Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Harry e Meghan anunciam afastamento surpreendente da Família Real

O casal levou meses para bater o martelo em relação ao afastamento

Por Da Redação Atualizado em 17 fev 2020, 10h27 - Publicado em 8 jan 2020, 16h24

Príncipe Harry e Meghan Markle acabam de declarar que devem “se afastar do papel de membros ‘sênior’ da família real” britânica. A decisão teria sido motivada pelo desejo de independência financeira.

Leia também: O que acontece com Harry e Meghan após “saída” da Família Real?

Os duques deram a notícia ao público por meio do perfil oficial no Instagram. Na publicação, eles contam que tudo foi pensado com cautela e diálogo. “Optamos por fazer uma transição este ano, começando a desempenhar um novo papel progressivo dentro desta instituição. Pretendemos dar um passo atrás como membros ‘seniores’ da Família Real e trabalhar para nos tornar financeiramente independentes, enquanto continuamos a apoiar totalmente Sua Majestade a Rainha”, comentam.

Além do afastamento dos títulos reais, os pais de Archie também vão contar com um novo endereço. Depois das seis semanas no Canadá no final do ano, o local será habitado com frequência por eles. “Planejamos equilibrar nosso tempo entre o Reino Unido e a América do Norte, continuando a honrar nosso dever para com a Rainha, a Commonwealth e nossos patrocínios”.

Continua após a publicidade

Leia também: Astrólogas preveem ano agitado para a Família Real

Mas o que Harry e Meghan vão fazer a partir desta decisão? De acordo com o comunicado, os dois irão trabalhar na criação de uma entidade beneficente. “Esse equilíbrio geográfico nos permitirá apreciar nosso filho com a tradição real em que ele nasceu, além de proporcionar à nossa família o espaço para se concentrar no próximo capítulo, incluindo o lançamento de nossa nova entidade beneficente”.

Desentendimentos

Não é de hoje que o clima na Família Real britânica não anda o dos melhores com o filho mais novo de Diana! Depois dos boatos em torno do afastamento de Harry e William, a decisão dos duques de Sussex passarem o Natal no Canadá caiu como uma bomba. Durante a viagem, com a hospitalização do príncipe Philip, alguns familiares até pediram para que o casal retornasse, mas os mesmos seguiram em sua estadia na América do Norte. 

Outro episódio que abalou a reação familiar foi o documentário sobre a turnê do casal e do pequeno Archie pelo continente africano. Em Harry & Meghan: An African Journey (em português, Harry & Meghan: Uma Viagem pela África), eles abertamente da família, das pressões de ser da realeza e dos rumores que os atormentaram nos últimos meses. Esse último motivo inclusive rendeu até um processo ao jornal Mail on Sunday, que compartilhou trechos de uma carta confidencial de Meghan ao pai, e matérias falsas sobre excessivos gastos do casal na reforma de sua casa e do suposto  chá de bebê organizado em Nova York. Vale lembrar que o filme foi divulgado durante a viagem oficial de William e Kate ao Paquistão, gerando um certo incômodo em relação à visibilidade do irmão e da cunhada. 

E não para por aí: no discurso oficial de final de ano, a Rainha Elizabeth II teve uma fala polêmica, que aparentemente refletia a situação que vivia com o neto Harry e sua família. “O caminho, claro, não é sempre suave e pode, como foi algumas vezes esse ano, parecer bastante irregular”, ela disse antes de acrescentar “mas pequenos passos podem fazer toda diferença”, disse a realeza. Na foto publicada na conta oficial no Instagram, um detalhe chamou a atenção dos internautas. A rainha posou para a foto ao lado de retratos de toda a família, exceto Harry, Meghan e Archie.

Leia mais: Meghan Markle e príncipe Harry são barrados em restaurante

+ Kate Middleton se esquiva de carinho de William. Veja o vídeo

Horóscopo: Previsões astrológicas para todos os signos em 2020

Continua após a publicidade
Publicidade