CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 12,90/MÊS

9 marcas lideradas por pessoas LGBTQIAP+ que você precisa conhecer

Essas marcas se preocupam com a diversidade e representatividade o ano inteiro — e não apenas em junho

Por Kalel Adolfo Atualizado em 30 jun 2022, 10h19 - Publicado em 30 jun 2022, 08h59

Não é incomum ver empresas e marcas enaltecendo a população LGBTQIAPN+ somente em junho. Contudo, no restante do ano, não identificamos quaisquer indícios de diversidade tanto em cargos de liderança quanto em produtos que estimulem a representatividade. É o famoso “Pink Money”, termo utilizado para denunciar àqueles que desejam explorar o poder aquisitivo das gays sem realmente se importar com a causa.

Pensando nisso, a pantynova — companhia pioneira em bem-estar sexual no Brasil — criou o Guia do Pink Money, onde reúne apenas empresas criadas e comandadas por pessoas LGBTQIAPN+. Atualmente, o compilado está em sua terceira edição, promovendo livrarias, lojas de acessórios e até startups que realizam treinamentos de gestão inclusiva em ambientes corporativos.

Vamos usar nosso dinheiro para adquirir produtos de empresas que lembram que a diversidade existe apenas em junho ou vamos fortalecer iniciativas de quem empreende com esse pensamento durante todo o ano? Sabemos que quem não é hétero-cis tem menores chances de conseguir investimentos e oportunidades de carreira, e é nosso papel estarmos unidos”, afirma Heloisa Etelvina, co-fundadora da Pantynova. Incrível, né? Então confira a lista a seguir:

Afroperifa

View this post on Instagram

A post shared by MODA AFRO URBANA DA PERIFERIA (@afroperifa_)

Com o intuito de incentivar o afroempreendedorismo e trabalhar as identidades negras, o designer de moda Willian André criou a Afroperifa, marca de moda afro urbana da Periferia Street Wear. Um dos maiores pilares da companhia é promover e potencializar a autoestima do público preto e periférico, além de buscar identidade, resistência e resgatar as raízes ancestrais. Além disso, os fotógrafos, designers, artistas e modelos da Afroperifa moram nas periferias de São Paulo.

O Jambu

View this post on Instagram

A post shared by O JAMBU (@ojambu_bags)

A diversidade e beleza da flora brasileira inspiram a produção de bolsas e mochilas de O Jambu, marca de acessórios criada por Carol Maqui e Swami Cabral. Juntas, elas resgatam memórias valiosas para criar peças impressionantes. Os acessórios multifuncionais são fabricados com materiais diversos, alguns de reuso, resultando em um mix singular.

Simples Assim

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Simples Assim (@vocesimplesassim)

Criada por Milton Martins e Marcelu Ferraz em 2018, a marca trabalha com moletons e roupas de modelagem ampla – com shape oversized – e já conquistou famosos como Adriane Galisteu, Eliana, Tiago Abravanel e, mais recentemente, Anitta. O moletom “Rainbow” é o carro chefe, mas eles também produzem outros modelos lindos nas cores que representam cada uma das bandeiras da comunidade LGBTQIAP+.

Cápsula

View this post on Instagram

A post shared by Capsula (@capsulashop)

Continua após a publicidade

Criada por Mariana Folego, Cápsula — marca de roupas e acessórios — aposta no humor para entregar peças fashionistas e descontraídas. As coleções trazem memes, críticas sociais e o melhor da cultura pop para criar obras inesquecíveis.

Pantynova

View this post on Instagram

A post shared by pantynova (@novapanty)

Iza e Lola — duas mulheres lésbicas — tinham o desejo de encontrar sex toys que fugissem dos padrões falocêntricos e heteronormativos do mercado, servindo em diferentes corpos. Por isso, criaram a Pantynova, loja pioneira em bem-estar sexual no Brasil. Hoje, produzem mais de 15 vibradores e acessórios, como strapons, algemas e coleiras. O maior intuito da companhia é nos fazer experienciar a sexualidade de maneira autêntica a quem somos.

Nohs Somos

View this post on Instagram

A post shared by Nohs Somos (@nohs.somos)

A startup Nohs Somos possui uma função valiosa no mercado: conectar pessoas LGBTQIA+ a lugares, produtos e serviços amigáveis. Através de consultorias de diversidade e inclusão, a companhia também auxilia empresas a abraçarem gestões e equipes plurais.

Pulsa

View this post on Instagram

A post shared by pulsa (@livrariapulsa)

Feita por e para pessoas LGBTQIA+, a pulsa é uma livraria inovadora, que reúne uma seleção de livros, publicações e artes que nos convidam a conhecer novas narrativas, que abandonam as antiquadas versões das histórias que sempre nos contaram (e nos limitaram). As idealizadoras são Caroline Fernandes e Fer Krajuska.

Yes I am Jeans

View this post on Instagram

A post shared by Yes I am Jeans (@yesiamjeans)

Fernanda Veríssimo e Raquel Ferraz, mulheres lésbicas, criaram a “Yes I am Jeans”, que tem como principal meta a criação do jeans perfeito. Para isso, suas fundadoras apostam nas melhores matérias-primas disponíveis, utilizando técnicas que visam a sustentabilidade. As peças da marca têm modelagens clássicas, que valorizam diferentes corpos sem abrir mão do conforto.

Queerida Joias

View this post on Instagram

A post shared by queerida joias (@queeridajoias)

Por último — mas não menos importante — apresentamos a Queerida Joias, criada por Rony Diego e Ruan Henrique. A dupla oferece acessórios feitos com amor e criatividade, que estimulam a quebra de barreiras de gênero. O maior pilar da companhia é enaltecer a diversidade. Para isso, além da venda, a marca também gera conteúdos de educação, conscientização, saúde e empreendedorismo voltados para pessoas LGBTQIAPN+.

Continua após a publicidade

Publicidade