Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Vacinação começaria 20 de janeiro em todo Brasil, segundo prefeitos

Se aprovadas pela Anvisa, Coronavac e Astraneca serão as vacinas imunizantes contra Covid-19, de acordo com Pazuello

Por Da Redação 14 jan 2021, 16h22

Presidente da Frente Nacional dos Prefeitos, Jonas Donizete, ex-prefeito de Campinas, disse, no entanto, que o atraso no voo que vai buscar na Índia as doses da Astrazeneca  pode alterar data de imunização. Previsto para decolar nesta quinta-feira, 14, o voo, por questões logísticas, de acordo com a companhia aérea Azul, só vai partir amanhã, sexta-feira, 15, o que deve atrasar também o seu retorno.

Donizette também disse que é esperada a vacinação de 5 milhões brasileiros nesta primeira fase, de acordo com explicação dada pelo ministério.

Dos 5 milhões, 2 milhões receberão a primeira dose da vacina da Astrazeneca, produzida pela Fiocruz. Três milhões receberão duas doses da Coronavac, produzida pelo Butantã. A primeira (se confirmada data) será no dia 20 de janeiro e a segunda dose, 21 dias depois.

Continua após a publicidade
Publicidade