9 livros para curtir durante as férias

Ficção, biografias de celebridades, romances e história da sociedade contemporânea estão entre a seleção. Escolha a que mais combina com você e relaxe!

Pegar uma praia com as crianças é bom. Melhor ainda é o tempinho que sobra para você no fim do dia. Que tal se aventurar por um destes títulos? Opções não faltam. Escolha a que mais combina com você e relaxe.

Crônica do Pássaro de Corda, Haruki Murakami (Alfaguara, R$ 69,90)

Escrito pelo japonês-sensação Haruki Murakami, o título foi lançado em 1994, mas só agora chega ao Brasil. A trama parte de um acontecimento banal, o sumiço do gato da esposa de Toru Okada. Ele sai em busca do bichano por Tóquio e no caminho encontra personagens pouco usuais, como um político midiático, uma adolescente gótica e um veterano de guerra. Apesar de antigo, não poderia ser mais contemporâneo ao discutir a falta de amor e tolerância na sociedade.

Leia mais: Tchau, família! Vou ao Japão e já volto

365 dias para plantar, Carol Costa (Bicicleta Amarela, R$ 59,90)

Em forma de diário, o livro é um convite para adotar a jardinagem como hábito no próximo ano. Há dicas para facilitar o processo em casa, como sugestões de plantas mais fáceis de cuidar.

Leia mais: A diferença entre jardim francês e jardim inglês

 (Carlos Bessa/CLAUDIA)

A Glória e seu cortejo de horrores, (Companhia das Letras, R$ 44,90)

Por meio da trajetória do ator Mario Cardoso, a autora Fernanda Torres expõe a fragilidade da fama. “Nos dois meses que antecederam a estreia, a preparadora vocal, misto de xamã e doutora honoris causa, me fez repetir o solóquio da tormenta de quatro, em cima do tapete do consultório de um prédio velho de Copacabana”, escreve.

Leia mais: Tem que ler: A Glória e seu Cortejo de Horrores, Fernanda Torres

 (Carlos Bessa/CLAUDIA)

Os diários de Sylvia Plath, organizado por Karen V. Kukil (Biblioteca Azul, R$ 89,90)

“A poeta americana Sylvia Plath escreveu estes diários entre as décadas de 1950 e 1960, mas só hoje temos acesso aos textos na íntegra, já que seu marido, o também poeta Ted Hughes, censurou por anos trechos mais íntimos e reveladores. Ainda assim, é impressionante como os relatos são atuais. Ela tinha muita dificuldade de lidar com a necessidade de abrir mão da carreira para cuidar da família – só que lhe faltavam a força e a autonomia que nós mulheres já conquistamos hoje para nos impor. Pela sensibilidade e escrita cortante, seu único romance publicado, A Redoma de Vidro, foi nossa escolha para estrear há três anos o Leia Mulheres, clube de livro com sede em São Paulo. Agora, os diários vêm para deixar ainda mais clara sua mensagem feminista”, comenta o livro a mediadora o Leia Mulheres Michelle Henrique.

Leia mais: Iris Abravanel fala sobre sua carreira, família e a vida ao lado de Silvio Santos

 (Carlos Bessa/CLAUDIA)

Foi Assim, autobiografia (Record, R$ 39,90)

A rainha da jovem guarda Wanderléa, também conhecida como Ternurinha, conta detalhes até agora pouco conhecidos de sua vida. Nas mais de 390 páginas, relembra a descoberta do talento, ainda criança, no interior de Minas Gerais, a conquista do reconhecimento e da fama e como enfrentou a perda do filho Leonardo, aos 2 anos, morto na piscina da casa em que morava. Em bate-papo com CLAUDIA, revela curiosidades sobre o processo de escrita. “São tantas histórias e experiências vividas que era um desperdício não dividi-las. Também acho que meus fãs esperavam por isso havia algum tempo. Foi uma atividade muito prazerosa relembrar os acontecimentos. Parecia que eu estava escrevendo um diário, as emoções voltavam e eu pude fazer uma reflexão profunda. Esse era um sonho antigo, o de virar escritora. Ainda tenho poemas e composições inéditas, que devem sair em breve.”

Leia mais: 11 músicas imprescindíveis para levantar a autoestima

 (Carlos Bessa/CLAUDIA)

A história do século 20 para quem tem pressa, Nicola Chalton e Meredith MacArdle (Valentina, R$ 26,90)

Indicado para quem gosta de história, mas anda sem tempo. Em menos de 200 páginas, as autoras explicam desde a Primeira Guerra Mundial até o estouro da internet, nos anos 2000.

Leia mais: Mitos e verdades sobre como os jovens usam a internet

 (Carlos Bessa/CLAUDIA)

Uma Dobra no Tempo, Madeleine L’Engle (Harper Collins, 29,90)

O pai da família Wallace, um cientista que investiga a quinta dimensão, some misteriosamente. Seus filhos, Meg e Charles, recebem informações de um estranho e resolvem salvá-lo. Para isso, vão viajar no tempo, conhecer criaturas fantásticas e mundos nunca imaginados. Uma Dobra no Tempo é o primeiro dos cinco livros da série escrita pela americana Madeleine L’Engle. Inspira um filme que será lançado em março com Reese Witherspoon e Oprah Winfrey.

Leia mais: 15 livros de poucas páginas para ler com leveza

 (Carlos Bessa/CLAUDIA)

Muito além do inverno, Isabel Allende (Bertrand Brasil, R$ 42,90)

A peruana Isabel Allende mostra que o amor pode surgir de onde menos se espera. “Às 5 da tarde, quando Lucía e Richard voltaram a se reunir com Evelyn na cabana, depois de atirar o carro no lago, cansados e sujos de lama e neve, reinava a escuridão prematura do inverno matizada pelo resplendor da lua”, trecho do livro.

Leia mais: A história de amor de Michelle e Barack Obama contada em belíssimas fotos

 (Carlos Bessa/CLAUDIA)

Tipos Incomuns, Tom Hanks (Arqueiro, R$ 39,90)

Vencedor do Oscar por suas atuações em Filadélfia (1993) e Forrest Gump (1994), Tom Hanks sempre foi um contador de histórias. Escreveu até o roteiro de The Wonders – O Sonho Não Acabou, que também dirigiu. Há alguns anos, passou a publicar seus textos em jornais e revistas. Este é seu primeiro título de ficção. Tipos Incomuns reúne 17 contos, estrelados por um grupo de amigos viajantes, um bilionário excêntrico e um imigrante que foge da guerra. A curiosidade é que em todos aparece uma máquina de escrever, paixão antiga do americano.

Leia mais: Relembre como 10 astros de Hollywood eram no início da carreira

 (Carlos Bessa/CLAUDIA)

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s