Conheça a agenda de shows de 2018 e programe-se

Marília Mendonça, Alok, Phil Collins, Laura Pausini, Chico Buarque, Depeche Mode... Qual é o seu?

Gosta de música genuinamente brasileira? Pode escolher. Este mês tem de Chico Buarque a Marília Mendonça e Criolo. Prefere o agito dos grandes festivais? Prepare o bolso e arrume as malas, pois o Planeta Atlântida, no Rio Grande do Sul, promete ferver com Pabllo Vittar, Anitta e O Rappa. As estrelas estrangeiras abrem os trabalhos em fevereiro com Phil Collins, seguido de Katy Perry, James Blunt e Foo Fighters.

Confira nossa seleção para este ano de 2018.

De volta aos palcos com Caravanas, o compositor estreia a temporada 2018 com 43 shows previstos até abril. Uma bela escultura suspensa serve de cenário para o espetáculo, de uma hora e meia, que Chico Buarque conduz com o charme de sempre.

Integram o repertório faixas do álbum que dá nome à turnê e sucessos de outras fases da carreira, como Partido Alto. Ele incluiu também o clássico Minha Embaixada Chegou, de Assis Valente, como um desabafo aos ataques que enfrentou no ano passado por suas posições políticas.

Local e data: No Rio de Janeiro, de 4 de janeiro a 4 de fevereiro, e em São Paulo, de 1o de março a 24 de abril.

Valor: Ingressos de 110 a 490 reais.

“Com certeza, me apresentar neste evento, ao lado de grandes artistas que admiro muito, é mais um degrau na minha carreira”, diz a cantora Pabllo Vittar, principal atração do maior festival musical da Região Sul. Em sua 23a edição, o Planeta Atlântida tem uma grade variada de espetáculos.

De O Rappa e Mano Brown aos sertanejos Luan Santana e Simone&Simaria. Serão 33 atrações, divididas em dois dias. Também estarão nos palcos Sandra de Sá, Ed Motta e a banda JotaQuest.

Local e data: Em Atlântida (RS), dias 2 e 3 de fevereiro.

Valor: Ingressos de 130 a 640 reais.

O rapper tem novidade no show que inaugura a sua agenda de 2018. Criolo acrescentou duas faixas ao ótimo Espiral de Ilusão, seu primeiro álbum de sambas autorais, que teve relançamento em versão de luxo no final do ano passado. São elas, Língua Felina, animadíssima, e 4 da Manhã, que mereceu arranjos mais delicados para dançar.

Local e data:No Rio de Janeiro, no dia 6 de janeiro.

Valor: Ingressos de 40 a 80 reais.

Não teve para ninguém. A sertaneja de 22 anos foi a artista mais ouvida em 2017. Ela cai na estrada logo na primeira semana do ano com a famosa Festa das Patroas, em Guarapari (ES), ao lado das colegas de modão, Mayara&Maraisa.

Outras cinco apresentações – em Tamandaré (PE), João Pessoa, São Bernardo do Campo (SP), Recife e Olinda (PE) – acontecem até fevereiro. Elas incluem o grande sucesso, Infiel, e outros hinos da rainha da sofrência, como a recente Transplante e Eu Sei de Cor.

Datas e valores dos ingressos a confirmar.

Leia também: A nova geração de músicos que canta a representatividade

Quarenta anos depois de sua última passagem pelo Brasil, Phil Collins finalmente voltará aos nossos palcos com a turnê Not Dead Yet. O bônus para quem esperou tanto? A poderosa abertura com a banda The Pretenders, liderada por Chrissie Hynde, uma das grandes mulheres do rock.

Local e data: No Rio de Janeiro, em São Paulo e Porto Alegre. Dias 22, 24 e 27 de fevereiro.

Valor: Ingressos de 135 reais a 760 reais.

Em apresentação única, o cantor britânico mescla clássicos pop, como You´re Beautiful e Same Mistake, com faixas de seu álbum The Afterlove, lançado em 2017. Destaque para a nova Make Me Better, resultado da parceria com Ed Sheeran.

Local e data:Em São Paulo, 25 de fevereiro.

Valor:Ingressos de 90 reais a 400 reais.

A artista pop vem ao país para três apresentações de Witness: The Tour. E seu característico espetáculo de luzes e figurinos exuberantes já vale a noite. O set list eletrizante tem músicas do novo álbum, como Bon Appétit e Swish Swish, e também os hits I Kissed a Girl e Hot and Cold. O encerramento apoteótico, presente especial para os fãs, deve ser ao som da explosiva Firework.

Local e data:Em Porto Alegre, São Paulo e no Rio de Janeiro. Dias 15, 17 e 18 de março.

Valor:Ingressos de 120 a 1 280 reais.

Com o recém-lançado Concrete and Gold, o Foo Fighters, de Dave Grohl, passa por quatro capitais brasileiras (Rio de Janeiro, São Paulo, Curitiba e Porto Alegre). Para tocar junto, em todas as apresentações, traz os colegas do Queens of the Stone Age, de Josh Homme. Dobradinha imperdível!

Data:Dias 25, 27 e 28 de fevereiro e 3 e 4 de março.

Valor:Ingressos de 220 a 880 reais.

 (Reprodução/Instagram)

Provavelmente o evento musical mais esperado do ano, o Lollapalooza terá três dias de intensa e incrível programação. Como headliners (bandas principais), Red Hot Chili Peppers, Pearl Jam, The Killers e LCD Soundsystem, além da cantora pop Lana Del Rey e Liam Gallagher, ex-vocalista do Oasis. Entre os nomes nacionais, Mallu Magalhães, Mano Brown e o festejado Alok, considerado um dos melhores DJs da atualidade.

Mallu, que retomou a carreira com força total no ano passado depois de ter um bebê, promete se apresentar em um cenário marcante. “Quero arriscar algumas luzes diferentes para criar um efeito bem pirotécnico”, diz. E vem com repertório renovado. “Teremos da delicadeza de Sambinha Bom ao impacto dançante de Mais Ninguém”, conta.

Local e data:Em São Paulo, de 23 a 25 de março.

Valor:Ingressos de 375 a 3,5 mil reais.

Mais de duas décadas após a última apresentação no Brasil, os ídolos ingleses da música eletrônica voltam ao país para promover Spirit, seu álbum mais recente, em show que encerra a turnê mundial. O trabalho é considerado o melhor da banda, segundo a crítica especializada. O set list deve contar com canções de todas as fases do Depeche Mode.

Local e data:Em São Paulo, no dia 27 de março.

Valor:Ingressos de 120 a 620 reais.

View this post on Instagram

#FattiSentire #newalbum #laurapausini #soon

A post shared by Laura Pausini Official (@laurapausini) on

A cantora italiana causou burburinho em novembro ao divulgar uma imagem em suas redes sociais com a legenda “gravando” – para alegria dos fãs, que aguardavam seu retorno depois da pausa em 2016 para tratar uma inflamação grave na laringe e na traqueia. As boas novas? Além de um single inédito a ser lançado este mês, Laura aterrisa por aqui com álbum novo e turnê comemorativa dos 25 anos de carreira, que completará este ano.

Local e data:Em São Paulo, Brasília e Recife, nos dias 20, 21, 23 e 25 de agosto.

Valor dos ingressos a confirmar.

Leia sobre: Mulheres quebram o jejum feminino no sertanejo

Celebrando cinco décadas de carreira, em uma longa turnê que marca sua despedida dos palcos e deve ser encerrada em 2020, o roqueiro realiza quatro concertos no Brasil. Depois disso, Ozzy diz que só fará “trabalhos esporádicos, aqui e ali”. O show trará clássicos da banda Black Sabbath e alguns sucessos da carreira-solo do músico.

Local e data:Em São Paulo, Curitiba, Belo Horizonte e no Rio de Janeiro, de 13 a 20 de maio.

Valor:Ingressos de 195 a 2,9 mil reais.

Serão dois shows para os fãs que esperavam ansiosamente a volta do melancólico Radiohead desde 2009, quando o grupo britânico fez a primeira e única passagem pelo Brasil. No repertório da vez, são esperadas canções dos álbuns A Moon Shape Pool e Ok Computer. O último completou duas décadas no ano passado e ganhou edição comemorativa, apresentando três faixas inéditas. A atração faz parte do Soundhearts Festival, que traz ainda os menos conhecidos Flying Lotus, Junun e Aldo the Band.

Local e data:No Rio de Janeiro e em São Paulo, nos dias 20 e 22 de abril.

Valor:Ingressos de 130 a 800 reais.

Superproduções que abusam de recursos visuais e um repertório repleto de clássicos do Pink Floyd e canções novas de seu primeiro álbum-solo em mais de duas décadas. Essa é a essência do novo show de Roger Waters, que tem sido muito elogiado nos países por onde a turnê já passou. Mérito do carismático músico, mas também da ótima banda que o acompanha.

Local e data:Em São Paulo, Belo Horizonte, no Rio de Janeiro, em Brasília, Salvador, Curitiba e Porto Alegre. Dias 9, 13, 17, 21, 24, 27 e 30 de outubro.

Valor:Ingressos de 125 a 2,9 mil reais.

A CONFIRMAR 

A cantora colombiana deve vir ao país, mas ainda não há informações sobre datas.

Animado com a receptividade dos fãs, que lotaram seus shows no ano passado, o cantor promete voltar em 2018.

Organizada por Flora Gil, sucesso no fim de 2017, a primeira edição do festival, em Salvador, tem tudo para se repetir.

Leia mais: Tudo sobre Festivais de música|CLAUDIA

+ Maitê Proença fala de assédio e demissão da Globo

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s