CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR R$ 14,90/MÊS

Queen Latifah conta que foi vítima de gordofobia nos bastidores de filme

Apesar da pressão, a atriz se recusou a emagrecer para fazer papéis em filmes de Hollywood

Por Da Redação 8 out 2021, 17h40

Queen Latifah, uma das atrizes mais famosas e renomadas de Hollywood, revelou, nesta sexta-feira (8), em entrevista ao Yahoo que já foi pressionada pelos estúdios a emagrecer para aparecer nos filmes.

Conhecida pelas comédias românticas, a atriz também é uma inspiração para mulheres gordas, que podem se ver em suas personagens e começar ver beleza em si mesmas. Por isso, ela se tornou um símbolo na luta contra a gordofobia.

“Eu senti essa pressão e literalmente me pediram para perder peso, por meio do meu pessoal a palavra veio. Felizmente, tenho pessoas que dizem, ‘Sim, isso não vai acontecer. Ela não está perdendo peso para você'”, contou Queen.

Queen Latifah luta contra gordofobia e por representatividade
Queen Latifah luta contra gordofobia e por representatividade Jim Spellman/FilmMagic/Getty Images

Essa cobrança aconteceu no início de carreira e hoje ela não precisa mais lidar com esse tipo de comentário na produção. A estrela disse que não mudaria seu corpo por ninguém, porque sabe a importância de haver pessoas com o corpo dela em grandes filmes.

“Fiquei com raiva porque me sentia bem. Sou como as pessoas são. Você quer que eu perca peso? Por quê? Então, há um monte de mulheres lá fora que não terão alguém com quem se relacionar na TV, é isso que você está tentando fazer? Honestamente, eu sabia que eu estava de pé. Na verdade eu estava defendendo outras pessoas”, explicou a atriz.

Queen Latifah afirmou ainda que usou seu talento para ser a protagonista que muitas mulheres precisavam ver. Hoje, ela trabalha na campanha It’s Bigger Than Me (“É maior do que eu”, em tradução livre) para educar o público e remover o estigma sobre corpos gordos.

“Grande parte é apenas porque as pessoas estão mal informadas ou desinformadas. Se eles [pessoas com atitudes gordofóbicas] pudessem entender o que realmente está por trás disso, incluindo nós mesmos. Julgando a nós mesmos, envergonhando-nos, dizendo que não somos bons o suficiente, não trabalhamos duro o suficiente, não tentamos o suficiente. Não, às vezes não é você, é a sua genética. É o seu DNA. É o seu corpo”, disse Queen.

A atriz definiu sua relação com a aparência como “bem e saudável”. Conheço eu mesma, não apenas no espelho, mas por dentro. “Então agora que eu tenho ainda mais poder para tomar decisões sobre meu próprio corpo e como realmente me sinto sobre ele.”

  • Continua após a publicidade
    Publicidade