CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 12,90/MÊS

Natalie Portman revela o papel favorito de sua carreira (Exclusivo)

A atriz de “Thor: Amor e Trovão” também falou sobre trabalhar com Tessa Thompson nos bastidores da superprodução da Marvel

Por Kalel Adolfo Atualizado em 11 jul 2022, 19h43 - Publicado em 12 jul 2022, 08h40

Sem sombra de dúvidas, Natalie Portman é uma das atrizes mais talentosas da sétima arte. Com apenas 11 anos de idade, a estrela já marcava a cultura pop ao interpretar Mathilda em O Profissional, polêmico longa dirigido por Luc Besson. E, a partir daí, Portman foi colecionando trabalhos cada vez mais icônicos, que vão de Cisne Negro — que lhe rendeu o Oscar de Melhor Atriz — a Jackie e o recente Vox Lux.

E agora, a artista entrega mais um papel que reafirma o seu lugar como camaleoa do cinema em Thor: Amor e Trovão. Nesta superprodução da Marvel, Natalie encarna a astrofísica Jane Foster, que após uma série de eventos inesperados (que não vamos estragar aqui), se transforma em “Mighty Thor”, uma super heroína que ajuda o Deus do Trovão (Chris Hemsworth) a combater o sinistro Gorr — vilão interpretado por Christian Bale.

Em entrevista exclusiva à CLAUDIA, Natalie Portman deu detalhes sobre as gravações, compartilhou suas canções favoritas dos “Guns n Roses” e ainda revelou qual foi o papel mais marcante de sua carreira. Veja a seguir:

CLAUDIA: Qual foi o aspecto mais desafiador sobre trabalhar em Thor: Amor e Trovão?
Natalie Portman: Para mim, o mais difícil foi me jogar na experiência, pois trabalhar com Taika Waititi [diretor do filme] é diferente de quaisquer vivências com outros cineastas. Ele realmente quer que você esteja vivendo o momento, sendo criativo e espontâneo. Não existe fazer a mesma coisa duas vezes. Então o único controle ou preparo possível para as gravações foi estar aberta ao que viesse.

Tessa Thompson e Natalie Portman em
Tessa Thompson e Natalie Portman em “Thor: Amor e Trovão”. Marvel Studios/Divulgação

Falando em experiência no set, você e Tessa Thompson possuem uma ótima química diante das câmeras. Como foi contracenar com ela?
Natalie Portman: Eu amei trabalhar com Tessa! Somos amigas há muito tempo e já contracenamos em Aniquilação [filme de 2018 dirigido por Alex Garland]. Foi bastante animador fazer isso juntas. Tanto Tessa quanto sua personagem [Valkyrie] são ferozes. Sem querer dar spoilers, mas há uma cena específica no longa em que você realmente consegue sentir a nossa amizade e união.

Nós escutamos muitas canções dos “Guns n Roses” no filme! Então… Qual é a sua canção favorita deles e por quê?
Natalie Portman: Paradise City! Foi uma das primeiras músicas que decorei a letra quando eu era criança. É muito boa!

Continua após a publicidade

Agora, uma pergunta ainda mais difícil: qual é a melhor banda de rock n roll de todos os tempos?
Natalie Portman: Hmm… The Zombies!

Olhando para toda a sua trajetória, qual foi o papel mais marcante de sua carreira? Estamos secretamente esperando que você diga Cisne Negro.
Natalie Portman: Sem sombra de dúvidas é Cisne Negro. Eu conheci o meu marido neste filme, então ele tem um significado muito especial para mim. Foi uma experiência criativa incrível e possui uma grande importância pessoal.

Incrível! Agora, Natalie, qual é a lição mais importante que o público pode tirar de Thor: Amor e Trovão?
Natalie Portman: Acho que a produção realmente aprecia o amor em todas as suas formas. Ela simplesmente mostra que o centro do universo é cercado por todos os tipos de afeto.

E para finalizar, o quão diferente foi interpretar a Jane Foster dessa vez? Você sentiu algo novo?
Natalie Portman: Foi tão incrível interpretá-la como uma super heroína! Amei ter a oportunidade de vê-la como uma astrofísica — que foi o motivo pelo qual eu me apaixonei pela personagem no início do projeto. E agora, ela é a Mighty Thor!

A seguir, você confere o papo na íntegra:

Continua após a publicidade

Publicidade