Mãe dá lição ao descobrir que uma das filhas gêmeas tem Síndrome de Down

O nascimento da bebê mudou a visão de Raquel sobre perfeição

Raquel e o marido planejaram ter um segundo filho quando ela engravidou de gêmeos. Ter dois bebês foi motivo de felicidade para o casal, que logo escolheu os nomes das meninas: Lívia e Luiza.

Um susto, no entanto, deixou Raquel preocupada durante toda a gestação. No terceiro mês, ao passar pelo exame de translucência nucal, medida que visa detectar alguma possível doença, um dos testes deu resultado alterado.

A mãe conta que entrou em desespero e não acreditava no resultado. Ela chegou a fazer o teste mais duas vezes e os resultados eram os mesmos. Para descobrir o tipo de alteração, Raquel teria que passar por um exame de alto risco, então ela preferiu esperar até a hora do parto.

A angústia impediu que ela curtisse o período grávida com leveza. O medo era que um dos bebês pudesse ter alguma doença mortal, ela conta.

No dia do parto, porém, ela teve uma surpresa. Luiza havia nascido com Síndrome de Down. “Quando elas nasceram e eu vi que Luiza era perfeita, comecei a chorar. Foi um alívio. Eu fiquei muito feliz, cheia de amor”, revelou Raquel.

Ela conta que a síndrome não representava nada perto de uma doença grave e mortal que a filha poderia ter. Ela mudou então sua visão sobre a perfeição.

Veja o relato da família em vídeo clicando aqui.