Existe um aplicativo que ajuda mães solitárias a encontrar amigas

A solidão é uma das reclamações mais constantes entre mães de filhos pequenos. Duas amigas passaram por isso e resolveram mudar essa situação

Uma das reclamações mais constantes entre mulheres que acabaram de se tornar mães é a solidão durante o período da licença maternidade. Duas mulheres da zona sul de Londres enfrentaram esse problema e criaram um aplicativo para ajudar mães a fazer amizades, o Mush (em inglês).

Kate Massie-Taylor, 33 anos, e Sarah Hesz, 34 anos, se conheceram num playground em um dia chuvoso, dois anos atrás, quando ambas estavam de licença-maternidade

“Éramos as duas únicas mães naquele playground debaixo da garoa, tamanha era nossa ânsia de sair de casa”, disse Katie ao HuffPost US

“Trocamos algumas frases, sentindo-nos constrangidas. Antes de irmos embora, Sarah me disse: ‘Você me passa seu telefone para que a gente possa fazer alguma coisa juntas?’ Foi uma coisa bem desajeitada, mas eu me senti super grata”, disse.

Leia também: Como lidar com as emoções conflitantes da maternidade

Nos meses seguintes, Katie e Sarah perceberam que não eram as únicas mães a se sentirem sozinhas. Elas fizeram uma pesquisa e constataram que 62% das mães de filhos pequenos às vezes passam um dia inteiro sem conversar ou interagir com qualquer adulto. E 82% delas achavam que ter outras amigas  que também fossem mães de crianças pequenas as ajudaria a ser mães melhores.

Assim nasceu o aplicativo Mush, em um esforço para ajudar mulheres a encontrar sua “turminha de mães” – mesmo que só o usem quando seus bebês estão tirando uma soneca. E o aplicativo virou sucesso instantâneo, com mais de 30 mil mulheres começando a usá-lo, segundo o Huffington Post Brasil

Assim como o Tinder, o famoso aplicativo de paquera, o Mush permite que as mães em um raio próximo se conectem, partindo de seus interesses em comum. Se elas identificam alguém com quem possam ter alguma afinidade, podem olhar no aplicativo para ver se a outra mãe está com tempo para um encontro na hora mesmo, levando os filhos para brincar, ou então organizar um encontro para outro dia.

Leia também: Você precisa ler a lição que Viola Davis deu sobre maternidade

O aplicativo também traz textos (em inglês) sobre maternidade e criação de filhos.

Mais do que tirar as mães da solidão, o Mush permite que a interação entre elas aconteça fora das redeses sociais, onde a maternidade é, muitas vezes, glamourizada.

“Existe uma expectativa de que ter um filho é para ser uma experiência mágica, sendo que na realidade é duríssimo, uma maratona. Quando você se encontra cara a cara com outra mãe, percebe que todas sentem a mesma coisa!”

No momento o aplicativo é voltado às mulheres, e não para pais que cuidam de seus filhos em casa.”As mães de primeira viagem sentem-se bastante vulneráveis e nos disseram que prefeririam que o app fosse só para mães”, disse Katie.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s