Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Evan Rachel Wood acusa Marilyn Manson de abuso

A atriz fez as acusações através de um post nas redes sociais

Por Da Redação 1 fev 2021, 15h06

A atriz Evan Rachel Wood, de 33 anos, usou as redes sociais nesta segunda-feira, 1, para expor que sofreu abuso durante anos pelo cantor e compositor Marilyn Manson, que é ex da atriz. Outrora, Evan já havia relatado que sofreu abuso, mas não citou nomes.

“O nome do meu abusador é Brian Warner, também conhecido mundialmente como Marilyn Manson. Ele começou a me assediar quando eu ainda era uma adolescente e abusou terrivelmente de mim por anos”, declarou Evan em sua publicação.

View this post on Instagram

A post shared by Evan Rachel Wood (@evanrachelwood)

Continua após a publicidade

A atriz contou que sofria “lavagem cerebral” e que foi “manipulada à submissão”. Também declarou estar cansada de viver com medo da retaliação, difamação e das chantagens e que escreveu para “expor esse homem perigoso e denunciar as indústrias que o permitem atuar, antes que ele arruíne mais vidas”. “Eu estou ao lado das muitas vítimas que não vão mais se silenciar”, escreveu no Instagram.

Após o post, outras mulheres também usaram as redes sociais para relatar que viveram situações similares com o cantor e expressaram apoio a Evan.

Em 2019, Evan gravou um vídeo em que aparece chorando e conta que está tentando recuperar sua segurança ao superar os abusos, entretanto, sem citar o nome de Manson. “Eu não estou bem porque não me lembro como é não sentir medo”, afirma.

O cantor Marilyn Manson e seus representantes, até o momento, não se manifestaram sobre o assunto.

Marilyn Manson, de 52 anos, é conhecido por atuar e liderar a banda que é nomeada por sua identidade artística, personalidade e visual singulares e pelas polêmicas com mensagens anticristo em suas canções.

  • Continua após a publicidade
    Publicidade