Clique e assine com até 75% de desconto

Filha do cantor Belo é presa em flagrante acusada de golpes eletrônicos

A estudante de 21 anos é suspeita de participar de um quadrilha cujos golpes rendiam até R$ 1 milhão por mês

Por Da Redação Atualizado em 12 nov 2020, 10h37 - Publicado em 12 nov 2020, 10h24

Isadora Alkimin, de 21 anos, filha caçula do cantor Belo, foi presa na quarta-feira 11, em flagrante acusada de participar de uma quadrilha que aplicava golpes eletrônicos. Outras 11 mulheres também foram presas na mesma operação da polícia.

A jovem estudante de odontologia estaria envolvida na aplicação de golpes que rendiam à quadrilha, da qual é suspeita de participar, de R$600 mil a R$ 1 milhão por mês, segundo investigações feitas pelos agentes da Delegacia de Combate às Drogas (DCOD) no Rio de Janeiro.

Segundo a polícia, a quadrilha é suspeita de induzir as pessoas a repassarem seus dados bancários e a entregarem seus cartões a motoboys. Os policiais receberam uma denúncia anônima e descobriram onde ficava o “escritório” da quadrilha, na Barra da Tijuca. Isadora teve apreendidos o seu iPhone, avaliado em R$ 4 mil, e um notebook. Ela vai responder na Justiça por organização criminosa.

O cantor falou ao portal Notícias da TV, e disse que não sabia de absolutamente nada. “Eu não sabia de absolutamente nada. Falei com ela semana passada por telefone e ainda perguntei de tudo, da faculdade e tal”, disse. “Dei sempre todo suporte como pai: pensão, faculdade, educação e amor. Me sinto muito triste e quero ser respeitado nesse momento”.

 

Continua após a publicidade

Veja Também:

Assista ao trailer da 2ª temporada de “Bom dia, Verônica”, da Netflix

Após pedido recusado, Harry se diz triste e desapontado com Família Real

Fãs de Johnny Depp pedem demissão de Amber Heard de Aquaman 2

 

Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade
Publicidade