Susan Miller: as previsões astrológicas para o Brasil em 2018

A astróloga mais conhecida do mundo debruçou-se sobre o mapa astral do país e conta com exclusividade à CLAUDIA o que acontece no próximo ano

Susan Miller, a astróloga mais famosa do mundo e colunista de CLAUDIA, debruçou-se sobre o mapa astral do Brasil e conta com exclusividade as previsões para o próximo ano.

Não dá para negar que os últimos anos foram complicados para os brasileiros. Os astros mostram isso. Foi um período de duros aspectos planetários, mas ele está chegando ao fim e dará início a uma nova fase – mais madura após tantas lições. Antes de seguirmos para as previsões, porém, é preciso fazer uma introdução.

Para a astrologia, o Brasil nasceu quando teve sua independência decretada e virou de fato um país, em 7 de setembro de 1822. A data é auspiciosa. É uma nação virginiana, o signo da inteligência suprema, que no momento da proclamação apresentava Júpiter em conjunção com a Lua em Gêmeos, indício de um povo otimista e crente de que a justiça deve ser aplicada a todos. É uma posição encantadora, que define a natureza alegre e obstinada do brasileiro. Além disso, com Peixes como ascendente, demonstra compaixão ao próximo e tem a espiritualidade profundamente desenvolvida.

De alguma maneira, o país se equilibra ao demonstrar um lado mais racional, o de Virgem, e esse outro da criatividade, da leveza. Isso explica o número expressivo de escritores, cantores, compositores e artistas que ganham relevância no cenário internacional.

Em 2018, não espere por uma mudança radical logo de cara. A adaptação a uma nova realidade sempre exige tempo. A primeira metade do ano ainda será desafiadora, mas o segundo semestre promete um mar mais calmo para navegar. A Lua situada em Áries sugere um caminho pioneiro e inovador.

Leia mais: Descubra o que o signos védicos revelam sobre você

A retomada da economia

A combinação de Virgem e Peixes pode ser muito benéfica, mas a verdade é que ambos os signos vêm encarando dificuldades financeiras desde 2010 pela influência de Urano, planeta volátil, em Áries, o setor de entrada de dinheiro. Essa montanha-russa orçamentária foi exaustiva. Muitas vezes, o dinheiro entrava em grandes quantias e depois se tornava escasso. Após sete longos anos, em 15 de maio de 2018, Urano deixará essa casa e haverá alguma estabilidade – isso se mantém até 16 de novembro.

Saturno também não ajudou. O planeta professor estava em Sagitário e manteve praticamente reféns a Lua e Júpiter (que costuma trazer sorte e presentes), diminuindo o poder de atuação de ambos. Não estranha a enorme flutuação nas bolsas e no mercado, com as mudanças repentinas, o que tornou o terreno imprevisível. Agora respire aliviada. Saturno só volta a essa posição em 2023. Será um bom período para arrumar a bagunça e olhar para a situação sob outra perspectiva.

O planeta deixa lições, dando a entender que os próximos desafios serão enfrentados com mais clareza. Saturno saiu de Sagitário e está em Capricórnio, signo de seriedade e praticidade. Se deseja resultados, aventure-se e seja flexível. Afinal, se tomar o mesmo caminho, o destino também se repetirá. Isso trará maior variedade de negócios e dinheiro. A visão de mundo será mais realista, levando a ações certeiras e prestígio em âmbitos internacionais. É hora de fazer, Brasil! Chega de só planejar. Saturno insistiu no crescimento, mostrou o que é benéfico, mas não há ganho sem muito trabalho.

Leia mais: As combinações dos signos entre mães e filhos

Uma política responsável

Como Sagitário é a casa da reputação profissional, foi difícil manter-se relevante e com credibilidade sob o governo de Saturno. Um verdadeiro ato de resistência que exigiu dos brasileiros uma capacidade que lhes é peculiar, a de se reinventar.

Mas só isso não basta. Para que essas mudanças econômicas sejam colocadas em prática, são necessários líderes que busquem resultado, uma visão de futuro diferenciada. Esses postos precisam ser preenchidos com pessoas com tino para tal.

As ferramentas vocês já têm ou conseguem conquistar sem tantos empecilhos. O Brasil possui um triângulo dourado em seu céu, formado pelo Sol, Saturno e Urano. Essa tríade traz harmonia e mostra que, mesmo durante adversidades, as oportunidades sempre vão aparecer se houver esforço para conquistá-las.

É preciso confiar também na presença de Plutão em Áries, que faz lindo ângulo com Júpiter em Gêmeos. O diálogo criado por essas duas conjunções atesta a flexibilidade da nação em encontrar investimentos. Atenção para as exportações e importações. Essa área, que sempre foi um forte da nação, se mostrará importante para a reestruturação econômica e política. O ministro responsável por esse setor deve manter os olhos abertos e a cabeça pronta para lidar com ofertas não planejadas.

Leia mais: “O pensamento positivo é capaz de transformar o mundo para melhor”

Áreas de destaque

Marte está em Escorpião, sugerindo que trocas com outros países vão ser essenciais – há sempre o que ganhar com uma boa diplomacia. Uma determinada especialidade, que se revelará de modo repentino, será um sucesso. É provável que seja a área científica. Netuno está em conjunção com Urano, aspecto que demonstra ter chegado a hora de quebrar as amarras do passado e partir para uma fase de determinação e independência.

Os nodos lunares são linhas imaginárias traçadas pelas órbitas da Lua e do Sol, que marcam os pontos de encontro. Acompanhar esses caminhos permite entender melhor a conexão existente entre o mundo psíquico, emocional (definido pela Lua), e as ações e o contato com o ambiente (que têm a ver com a influência do Sol). O nodo lunar norte mostra a direção a ser seguida.

O do Brasil está em Aquário, signo futurista que aponta para encontrar um propósito e, a partir daí, sucesso. Nesse caso, revela que três setores devem obter maior crescimento, com capacidade para levar o país a se tornar mais competitivo e conquistar respeito no cenário mundial. São eles a pesquisa científica, o trabalho humanitário e o desenvolvimento.

As artes vão encontrar um lugar especial no coração das pessoas. O momento será propício à manifestação de talento, com o surgimento de muitos nomes que se tornarão relevantes.
Se há uma característica que beneficiou o Brasil nos últimos anos e deve continuar a favorecê-lo é a capacidade de articular-se bem. O país tem a Lua, o Sol, Mercúrio e Virgem situados em Gêmeos, signo da comunicação. Isso indica forte competência para trabalhos nessa área. Deve-se usar com sabedoria a facilidade em expressar seus desejos e negociar as melhores condições para realizá-los. Mas é a resiliência e a coragem típicas do povo que vão realmente desempenhar um papel importante na superação dos obstáculos.

 

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s