Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Microempreendedor individual terá imposto mais alto

Aumento passa a valer a partir de fevereiro, devido ao reajuste no salário mínimo, que foi para 954 reais

Por Da Redação 27 jan 2018, 13h17

Os impostos para microempreendedores individuais (MEIs) subirão no mês de fevereiro. O valor fixo do boleto mensal passará de 47,85 reais para 48,70 reais para atividades de comércio, indústria e transporte.

Esse reajuste é consequência do maior valor do salário mínimo, que subiu de 937 reais para 954 reais no início do ano.

Para os demais prestadores de serviços, o imposto fixo foi de 51,85 reais para 52,70 reais. A mensalidade do MEI em atividades ligadas a comércio ou indústria com serviços aumenta de 52,85 reais para 53,70 reais.

Há alguns dias, o Banco Central informou que os MEIs poderão abrir e encerrar contas de depósito por meio eletrônico.

As regras para se enquadrar no MEI incluem faturamento anual de no máximo 81.000 reais, exercer uma das 490 ocupações permitidas, não ser sócio ou titular de outra empresa e contar com até um empregado, remunerado com salário mínimo.

Leia também: A promessa que o príncipe William fez para a mãe, Diana, aos 14 anos

+ Jovem reconhece suspeito de estupro flagrado por câmera

Continua após a publicidade
Publicidade