5 tabus sexuais que podem atrapalhar o orgasmo

Alguns preconceitos podem te impedir de viver experiências prazerosas

Sexo ainda é um assunto cercado de tabus. Mas quebrá-los é a única forma de alcançar uma vida sexual saudável e feliz.

“Imposições sociais acabam incutindo a ideia de que certas práticas são erradas. Muitas mulheres iniciam a vida sexual com preconceito de atividades que, na verdade, são muito prazerosas. Esses freios acabam levando a uma vida sexual insatisfatória. O primeiro passo para o orgasmo é curtir com respeito e sem neuras”, explica a terapeuta sexual Rosângela Fonseca.

1. Sexo anal

Muitas mulheres sonham em experimentar, mas temem a dor. A especialista garante que com delicadeza do parceiro e boa lubrificação a prática não gera dor. É importante lembrar que só penetração, porém, não garante o orgasmo. O parceiro deve estimular também o clitóris.

2. Brinquedos eróticos

Conhecer o próprio corpo é essencial para saber o que lhe dá ou não prazer, mas a masturbação feminina e o uso de brinquedos sexuais ainda são cercados por preconceito. “O maior medo feminino é de que o uso do vibrador passe ao parceiro a ideia de que ela é promíscua, quando, na verdade, uma mulher consciente de seu corpo é muito mais feliz”, explica a terapeuta sexual.

3. Filmes eróticos

Assistir cenas quentes ao lado do parceiro pode ser uma forma divertida de apimentar a relação. O maior preconceito feminino com este tipo de produção está na forma como as mulheres são representadas. “Se a mulher se sente desconfortável com este tipo de filme pode selecionar cenas que não a deixem deslocada. Alguns filmes de Hollywood possuem cenas altamente eróticas. Tudo depende do olhar do casal”, afirmou Rosângela Fonseca. 

4. Sexo a três

O famoso ménage à trois está no imaginário de muitas mulheres, mas a maioria teme incluir alguém na relação e não conseguir lidar bem com a situação. “Se é um desejo do casal, o ideal é conversar muito sobre o assunto e definir limites claros. Assim, todos realizam suas fantasias e ninguém sai magoado”, afirma Rosângela. Ela ressalta ainda que até casais maduros podem ter o relacionamento abalado após uma experiência tão intensa. “Só embarque nessa se estiver totalmente segura e à vontade com a ideia. Não faça apenas para agradar o parceiro.”

5. Forma física

Não há nada mais sedutor do que uma mulher confiante, que ama suas formas. Por isso, abandone suas neuras com o corpo e assuma sua beleza. “Na hora do sexo, a maioria dos homens não se preocupa com isso. E ainda que repare, não há do que ter vergonha. Você precisa ver sua própria beleza”, garantiu a especialista.