Clique e assine Claudia a partir de R$ 8,90/mês

4 vezes em que a natureza nos impressionou durante o isolamento social

Por conta da pouca movimentação urbana, devido ao confinamento para conter o coronavírus, os animais e o meio ambiente voltaram a mostrar sua força

Por Da Redação - 22 abr 2020, 12h21

Nesta quarta-feira (22), comemora-se o Dia da Terra, com a finalidade de gerar conscientização acerca dos problemas de depredação do meio ambiente. Durante o nosso isolamento social, como prevenção da transmissão da Covid-19, a natureza deu as caras, algumas vezes, para nos lembrar de sua força, beleza e importância. A equipe de CLAUDIA lista, abaixo, 4 momentos em que fomos surpreendidos pela natureza durante o confinamento, com mudanças de paisagens e com a presença maior de animais em locais urbanos. Relembre e se encante:

1. Tartarugas nadando na Baía de Guanabara

No último dia 15, um vídeo da Baía de Guanabara limpa circulou pelas redes sociais, mostrando tartarugas nadando bem próximas à margem – cena, até então, rara. As imagens foram gravadas nas proximidades do Aeroporto Santos Dumont.

Na ocasião, moradores da região e admiradores do vídeo associaram a limpeza da água e a presença das tartarugas ao isolamento social. No entanto, especialistas afirmaram que o ocorrido se deve à maré alta da lua cheia dos dias 5 e 6 de abril e à chegada de uma frente fria. Seja qual for a causa, o resultado foi emocionante.

Veja abaixo:

Continua após a publicidade

View this post on Instagram

A Baía de Guanabara tem seu minuto de fama em um dos cartões postais mais bonitos do mundo. Situada na região metropolitana do Rio de Janeiro, Brasil, na área próximo ao aeroporto doméstico Santos Dumont, onde geralmente a água é suja, um anônimo gravou esse vídeo. De forma admirada ele fala sobre a limpeza, mesmo que momentânea, da Baia nos tempos de Coronavirus. Coincidências ou não, as Tartarugas-verdes (Chelonia mydas) desfrutam livremente de seu paraíso. . Fonte: Autor anônimo. . #baiadeguanabara #riodejaneiro #brasil🇧🇷 #brazil #safarivirtual #tartarugamarinha #projetoaruanã #oceans #oceanoatlantico #savetheplanet #fiquemcasa #stayhome #coronavirusbrazil @projetoaruana

A post shared by Safari Virtual 🐢🌎🐱:. (@safari_virtual) on

Continua após a publicidade

2. As águas dos canais de Veneza surgem mais claras

Na Itália, um dos países mais afetados pela pandemia do novo coronavírus, a população de Veneza se surpreendeu com a claridade e nitidez das águas dos canais e com a presença de cisnes no local, em meados do mês de março

Na ocasião, um porta-voz da prefeitura afirmou à CNN norte-americana que, apesar da mudança na coloração, o nível de poluição na água do canal não diminuiu. O que ocorreu, na verdade, foi que os sedimentos presentes na água afundaram devido a ausência de tráfego no local, o que também atraiu os cisnes.

Lembrando que alguns vídeos em que aparecem golfinhos nadando foram atribuídos às águas de Veneza, mas, na realidade, são imagens feitas nas margens da Ilha de Sardenha, também na Itália, onde não é tão incomum a presença de animais.

3. O nível de poluição do ar da China diminui

No início do mês de março, a Nasa divulgou imagens de satélite que mostram que os níveis de poluição da China sofreram um forte declínio em comparação ao início do ano de 2019. A mudança teria ocorrido como resultado da desaceleração econômica devido ao isolamento social no país.

Com a interrupção das atividades industriais, os níveis de dióxido de nitrogênio na atmosfera caíram abruptamente, fazendo com que a qualidade do ar melhorasse e o céu voltasse a ficar azul. Confira, abaixo, as imagens da Nasa comparando janeiro e fevereiro de 2019 com o mesmo período em 2020 e note a grande diferença:

Nasa/Reprodução

4. Animais silvestres são vistos nas ruas

Nesta quarta-feira (22), o jornal britânico The Guardian publicou uma série de fotos que mostram animais tomando conta de espaços urbanos enquanto os humanos estão confinados em suas casas. Em diferentes cidades, grupos de animais, como cabras e cervos, foram vistos explorando as ruas, em busca de comida ou apenas para brincar. Veja abaixo:

Continua após a publicidade
Cabras da montanha percorrem as ruas de LLandudno, em 31 de março de 2020, no país de Gales. Christopher Furlong/Getty Images
Cervos são vistos em um templo no dia 12 de março de 2020, em Nara, Japão. Tomohiro Ohsumi/Getty Images

Em tempos de isolamento, não se cobre tanto a ser produtiva:

 

Publicidade