Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Descubra por que a princesa Diana adorava usar rosa

A ocasião pode mudar e o ano também, mas a cor preferida de Lady Di era rosa. Conseguimos desvendar o real significado que esse tom traz para cada look

Por Anna Paula Chagas Atualizado em 20 ago 2021, 14h15 - Publicado em 20 ago 2021, 13h20

Se tem uma cor que Lady Di usou e abusou, essa cor foi a rosa. Com uma paleta que ia do pink ao rosa bebê, a princesa deixava claro que esse era o tom certo para seus looks. Do lazer ao tapete vermelho, do esporte aos finais de semana em família, Diana mostrou que o rosa não tem limites e encaixa em todas as ocasiões. Muito além de uma cor, rosa é uma identidade e nós podemos provar!

Três imagens da Princesa Diana de cabelo curto e com peças de roupa rosa.
Foto: Getty | Arte: Karoline Souza/CLAUDIA

A consultora de imagem e estilo Thais Lehrer afirma que o tom de rosa mais claro e frio, que seria da cartela de cores da Princesa, transmite acessibilidade, tranquilidade, equilíbrio e sofisticação. Já uma tonalidade mais vibrante reflete ousadia, entusiasmo e autoridade.

Thais ressalta que Diana usava da comunicação não verbal para se expressar e comunicar o que desejava de uma forma assertiva.

Veja também: Parceria? Meghan e Kate devem trabalhar juntas em novo projeto da Netflix

Três imagens da Princesa Diana de cabelo curto e com peças de roupa rosa.
Foto: Getty | Arte: Karoline Souza/CLAUDIA

A princesa sabia fazer a combinação e usar o contraste a seu favor. Uma sandália básica ou uma bolsa Chanel com alça de corrente, um chapéu fashion ou até mesmo o combo rosa+vermelho em um só look.

Continua após a publicidade

A profissional de coloração pessoal destaca que Diana apostava em peças rosa mais vibrantes quando precisava demonstrar força e poder, enquanto os tons claros ficavam para ocasiões mais leves.

Três imagens da Princesa Diana de cabelo curto e com peças de roupa rosa.
Foto: Getty | Arte: Karoline Souza/CLAUDIA

A cor rosa já foi associada à fragilidade tempo atrás e muitas mulheres tinham receio de usar em determinadas ocasiões justamente para não passar uma imagem fútil.

A consultora de estilo acredita na evolução da sociedade e destaca o poder do rosa. “A cor foi ressignificada após a Marcha das Mulheres – na qual mais de 2 milhões de pessoas foram às ruas em 2017 nos Estados Unidos –, e agora representa não só a força da mulher, mas a busca pela igualdade de gênero”, conclui Thais.

 

  •  

    Continua após a publicidade
    Publicidade