Por que o povo britânico está furioso com Meghan e Harry

Atitudes recentes do Duque e da Duquesa de Sussex fizeram com que o povo britânico ficasse bem insatisfeito

Archie Harrison Mountbatten-Windsor, filho de príncipe Harry e Meghan Markle, será batizado neste sábado (6) no Castelo de Windsor. A cerimônia acontece no dia em que o bebê real completa dois meses e contará com a presença apenas de pessoas íntimas à família real.

O anúncio sobre os detalhes do batizado foram feitos oficialmente pelo Palácio de Buckingham na última terça (3). Até então, se sabe apenas que a cerimônia será bem reservada e a identidade dos padrinhos será mantida em segredo.

+ Qual o significado do nome de Archie, o mais novo bebê real

Muito foi especulado sobre o fato do casal ter escolhido fazer uma cerimônia em privacidade. Segundo a imprensa britânica e comentaristas reais, o anúncio foi recebido como um “banho de água fria” pelos fãs que, privados por quase dois longos meses de fotos ou informações, esperava que o batismo de Archie fosse um grande evento.

Desde seu nascimento, em 6 de maio, o bebê Archie foi visto apenas em uma sessão de fotos, enquanto dormia, e em duas fotos publicadas no Instagram do casal que mostram seus pés e parcialmente seu rosto.

bebê real Meghan Markle Harry

 (Instagram/Reprodução)

Privacidade e polêmicas

Apesar da decepção do público, não há grandes surpresas na escolha do casal pela discrição, já que Meghan e Harry não só deixaram clara sua intenção de manter a privacidade, mas também tomaram medidas para garantir que eles criem sua família longe dos holofotes. Essa é uma das razões para que tenham mudado para a Frogmore Cottage, em Windsor.

Mas um vazamento de informação complicou o anúncio: para a reforma de sua nova casa, Meghan e Harry gastaram o equivalente a 12 milhões do dinheiro dos contribuintes britânicos. Embora tenham um status especial como “queridinhos” da imprensa e do público, o casal Sussex está sendo criticado por querer ter “os dois lados”, usando dinheiro público para seu conforto pessoal, mas insistindo em manter escondidos outros aspectos de suas vidas.

Segundo a imprensa britânica, a tradição diz que os membros da família real mantidos pelo Estado devem compartilhar os momentos importantes de suas vidas, como casamentos, nascimentos, batismos e funerais. Harry e Meghan conseguiram manter em controle os detalhes sobre o bebê, até mesmo no momento em que Meghan estava em trabalho de parto. As notícias foram divulgadas somente depois que Archie nasceu, e sua “apresentação” ao público ocorreu dias após seu nascimento.

Tem sido relatado que o príncipe Harry, que indicou em várias ocasiões que irá priorizar a privacidade de seu filho, expressou seu desejo de que o menino seja tratado como um “cidadão privado”.

“O duque e a duquesa optaram por não usar o título de ‘Sua Alteza Real’ para Archie”, escreve o Telegraph. “Mas como primogênito do príncipe Harry e sua esposa, a entrada formal de Archie na Igreja Anglicana é um evento importante para os observadores da realeza ao redor do mundo”, comentou Penny Juror, biógrafa da família real. “Ou eles mantêm sua privacidade, pagam por sua própria casa e desaparecem de nossa visão, ou eles jogam o jogo. Ver Archie e seus padrinhos chegando ao batismo é no que as pessoas estão interessadas.”

Leia mais: Os melhores looks de Meghan e Kate em 2019 até agora
+ Vídeo viraliza com “bronca” de Príncipe Harry em Meghan em evento real