Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

J.K. Rowling torna-se Companheira da Honra da Família Real

Autora da saga do bruxo "Harry Potter" recebe o título por seus serviços para a literatura e para a filantropia em momento polêmico

Por Da Redação Atualizado em 12 dez 2017, 17h54 - Publicado em 12 dez 2017, 15h40

A escritora J. K. Rowling, 52 anos, se tornou uma Companheira da Honra da Família Real britânica. O título foi anunciado nesta terça-feira (12) na página oficial da Coroa no Instagram.

Rowling recebeu o título “por seus serviços para a literatura e para a filantropia“, de acordo com a nota divulgada na rede social. Assim, a autora dos livros da saga Harry Potter se junta a outras personalidades importantes que também receberam a medalha, como Dame Maggie Smith, Lord Coe, Stephen Hawking, John Major e Desmond Tutu.

A Ordem dos Companheiros da Honra existe há exatos 100 anos . Criada pelo rei George V, a condecoração é dada aos que realizaram grandes contribuições em seus respectivos de campos de atuação. “Ser incluída neste grupo de Companheiros da Honra tão distinto, diverso e talentoso é uma honra, especialmente enquanto escritora, é um privilégio”, disse Rowling.

Leia mais: Série, cinema e literatura: o entretenimento empoderado

View this post on Instagram

Continua após a publicidade

"To be included in the distinguished and diversely talented company of the other Companions of Honour, especially as a female writer, is a particular privilege." Congratulations to author JK Rowling who today was invested as a Member of the Order of the Companions of Honour for her services to literature & philanthropy. The Order of the Companions of Honour was founded in 1917 by George V and is given to those who have made a major contribution in their field. The members, of which there are 65 at any one time, currently include actress Dame Maggie Smith, Lord Coe, Stephen Hawking, John Major and Desmond Tutu. 📷PA

A post shared by The Royal Family (@theroyalfamily) on

Sob holofotes

A homenagem acontece em um momento polêmico na vida da escritora. Recentemente, Rowling esteve em evidência por ter defendido a permanência do ator Johnny Deep, 54 anos, no elenco do filme Animais Fantásticos: Os crimes de Grindelwald _o segundo da nova safra de longas do universo bruxo, previsto para estrear em 16 de novembro de 2018.

Deep é acusado pela atriz Amber Heard, 31 anos, sua ex-esposa, de tê-la agredido enquanto eram casados. “Naturalmente consideramos a possibilidade de reformulação (…) Entendo por que alguns ficaram confusos e irritados por isso não ter acontecido (…) Com base na nossa compreensão das circunstâncias, os cineastas e eu não estamos apenas satisfeitos com o nosso elenco original, mas realmente felizes por ter Johnny como um dos personagens principais do filme”, escreveu Rowling em seu site.

Leia mais: Fãs pedem saída de Depp de filme por caso violência doméstica

Continua após a publicidade
Publicidade