Clique e assine Claudia a partir de R$ 8,90/mês

Lábios ressecados: entenda quais são as causas e como tratar

Bastante comum no frio, o ressecamento dos lábios pode ser solucionado com pequenas ações ao longo do dia.

Por Nathalia Giannetti - Atualizado em 15 jan 2020, 17h58 - Publicado em 15 Maio 2019, 15h08

Você já deve ter notado que, no inverno, seus lábios ficam muito mais ressecados. Isso acontece porque, nessa época do ano, o corpo perde água mais rapidamente, de maneira a manter o equilíbrio com a temperatura externa. O quadro é ainda piorado pelo fato de não ingerirmos tanto líquido no frio.

No caso dos lábios, o ressecamento é muito mais perceptível, uma vez que possuem menos camadas, se comparados com a pele, sendo assim, bastante sensíveis.

Como evitar

O segredo para não deixar seus lábios sofrerem no inverno, é mantê-los sempre hidratados. “Não podemos diminuir a ingestão de água e temos que proteger a nossa pele do frio”, aconselha o Dr. Gabriel Aribi, dermatologista da Sinclair Pharma.

Por isso, procure sempre ter uma garrafinha de água por perto! Invista também em produtos com propriedades hidratantes. Segundo a especialista da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), Dra. Denise Steiner é melhor utilizar aqueles compostos pelas seguintes substâncias, cuja ação é mais efetiva:

  • Ácido hialurônico
  • Glicerina
  • Ceramida
  • Vitamina E

Outra dica da profissional é utilizar protetores labiais com filtro solar, uma vez que os raios solares podem ser danosos até mesmo no frio, agravando a desidratação. Ela também recomenda ficar atenta aos cosméticos. “Um batom, por exemplo, pode levar a um processo de alergia ou causar o ressecamento devido a sua composição”. Para não correr risco de errar, dê preferência para aqueles ricos em Vitamina E.

O que fazer para reparar os lábios ressecados

Se você já está sofrendo com o ressecamento, as dicas do tópico anterior também são válidas. Mas para que o processo de reparação seja eficiente, é preciso manter seus lábios sempre hidratados. Procure, então, reaplicar os produtos cerca de 2 ou 3 vezes ao dia!

Em caso de feridas grandes e sangramento que não parece melhorar mesmo com a hidratação, vá ao medico. Se você perceber alguma lesão diferente, também é fundamental ir atrás de ajuda médica o mais rápido possível. “Pode ser que aquela vermelhidão, o ressecamento, a descamação ou até mesmo uma lesão estranha indique o crescimento de um tumor“, diz o Dr. Gabriel.  

O que NÃO fazer

Existem uma série de coisas simples feitas no dia a dia que pioram significativamente o ressecamento. Passar a língua nos lábios, por exemplo, tem o feito contrário do pretendido, em vez de hidrata-los, o pH ácido da saliva, junto com suas enzimas, colabora para a irritação e ressecamento dos lábios.

Morder o lábio é outro hábito bastante prejudicial, apesar do “tique” parecer inofensivo, ele dificulta a cicatrização das feridas. Até mesmo usar batom matte com frequência pode ser prejudicial, já que, para obter aquele efeito opaco maravilhoso, ele acaba ressecando a boca. Evite também batons de longa duração, cujas propriedades prejudicam a hidratação dos lábios.

Continua após a publicidade
Publicidade