CLIQUE E ASSINE A PARTIR R$ 6,90/MÊS

Cuide bem da tireoide

Tire suas dúvidas sobre doenças da tireoide e aprenda a fazer o autoexame para detectar nódulos

Por Redação M de Mulher Atualizado em 21 jan 2020, 09h50 - Publicado em 12 jan 2009, 21h00

“Tomo todos os dias um medicamento para 
repor o hormônio da tireoide. Eu tirei seis 
nódulos, só tenho 20% da glândula em 
funcionamento, mas levo uma vida 
perfeitamente normal e saudável”, Claudia 
Raia, atriz
Foto: Fabricio Mota

Ela tem o formato de uma borboleta e pesa apenas 12 gramas, mas deixa seu organismo de cabeça pra baixo quando passa por algum problema. Estamos falando da glândula tireoide, que fica na base do pescoço, logo abaixo daquela região conhecida como pomo-de-adão. E, apesar de ser muito pequena, ela controla o metabolismo do organismo todo. 

A tireoide produz os hormônios T3 e T4, que são responsáveis pelo controle do peso corporal. Quando eles são produzidos em quantidade muito menor (ou bem maior) que a normal, surgem doenças. “O principal alvo são as mulheres,que engordam ou emagrecer demais sem qualquer motivo aparente”, afirma a endocrinologista Zuleika Halpern, do Hospital das Clínicas de São Paulo.

Remédios e cirurgia

Que o diga a atriz Claudia Raia, a Donatela de A Favorita. No início dos anos 90, antes de descobrir o problema,Claudia chegou a pesar 11 quilos a mais do que hoje. “Tirei seis nódulos e só tenho 20% da glândula em funcionamento”, conta a atriz.Diariamente, Claudia Raia toma remédios para repor os hormônios que a tireoide deixou de fabricar. A maioria das doenças da glândula pode ser tratada com medicamentos ou cirurgia. No entanto, é muito importante detectar os nódulos o mais cedo possível.Veja como a seguir. 

Atenção!

3 em cada 10 brasileiros  adultos apresentam nódulos na tireoide
Continua após a publicidade

Publicidade