Saia ou paletó? Colégios ingleses permitem que seus alunos escolham seus uniformes

Agora, todos poderão se vestir como preferirem!

Quem nunca se incomodou com o ultrapassado código de vestimenta da própria escola? Foi através de uma análise sobre o grau de insatisfação dos estudantes com esta norma que as escolas públicas inglesas deram um importante passo em direção à igualdade de gênero e recentemente, passaram a permitir que os meninos usassem saias e as meninas calças, paletós e gravatas no ambiente escolar. Agora, todos poderão se vestir como preferirem.

Divulgação Divulgação

Divulgação (/)

LEIA MAIS: Uniforme: é bom para a criança ou não​?

Isto é, o uniforme padrão pode ser usado integralmente pelos alunos de ambos os sexos. E mesmo que possa parecer algo irrelevante para alguns, sentir-se confortável e identificar-se com uma determinada peça de roupa e poder usá-la no ambiente acadêmico significa muito mais do que um rompimento com uma mera formalidade: é também uma forma de diminuir a desigualdade entre os sexos. 

Divulgação Divulgação

Divulgação (/)

LEIA MAIS: Pais de gêmeos que usam vestidos dão lição de aceitação.

Afinal, não é de hoje que sabemos: roupas, cores, brinquedos e comportamentos específicos “de menina” ou “de menino” são responsáveis por determinar os papéis de gênero, extremamente prejudiciais para a socialização feminina, principalmente

Divulgação Divulgação

Divulgação (/)

LEIA MAIS: As mulheres avançaram rumo à igualdade, mas há muito a conquistar. 

Esperamos que as didáticas escolares da Inglaterra também acompanhem esta ação, porque com tanto preconceito enraizado, o número de meninos hostilizados por se vestirem como “menininhas”  e de garotas que receberão olhares tortos por usarem trajes masculinos não será pequeno. 

Divulgação Divulgação

Divulgação (/)

LEIA MAIS: 4 atitudes de quem cria os filhos sem machismo.