Clique e assine Claudia a partir de R$ 8,90/mês

Pela 1ª vez, uma mulher estará na diretoria de comunicação do Vaticano

A jornalista espanhola Paloma García assumirá o cargo de subdiretora da Sala de Imprensa da Igreja Católica

Por Redação CLAUDIA - Atualizado em 28 out 2016, 01h13 - Publicado em 29 jul 2016, 15h25

A cada dia que passa, Papa Francisco – o primeiro latino-americano a assumir o cargo máximo da Igreja Católica – dá mais um passo para que o Vaticano e seus fiéis sigam no caminho da aceitação e da diversidade. Nesta semana, Francisco anunciou seus novos porta-vozes, e, pela primeira vez, a diretoria de comunicação do Vaticano terá uma mulher. A jornalista espanhola Paloma García Overejo assumirá o cargo de subdiretora da Sala de Imprensa da Santa Fé. O diretor da Sala será o também jornalista Greg Burk, que também representa um marco: o primeiro americano na cúpula de comunicação. 

De acordo com o jornal O Estado de S. Paulo, Paloma nasceu em Madri e trabalhava em Roma desde 2012 como correspondente da rádio espanhola Cope (Cadenas de Ondas Populares Españolas), cobrindo também o Vaticano. “Tenho um pouco de medo, é certo, porém, ao mesmo tempo, a tranquilidade de saber que não foi uma escolha minha”, disse. Em reunião com os novos diretores, Francisco pediu clareza na transmissão das informações.

 

Divulgação
Divulgação

Continua após a publicidade
Publicidade