O mistério das princesas árabes que tentam fugir do rei

As pobres princesas ricas de Dubai vivem trancafiadas e dominadas pelo xeque

Comandada pelo xeque bilionário Mohamed Bin Rashid al Maktoum, a cidade de Dubai é conhecida por ser um destino de luxo, com grandes prédios comerciais e uma arquitetura ultramoderna. Mas, por trás de todas essas riquezas, esconde-se o mistério das princesas que tentam a qualquer custo fugir de seus palácios e de uma realidade comandada pelos homens que as cercam.

Não perca o que está bombando nas redes sociais

Apesar de frequentarem restaurantes e lojas de luxo, pouco se sabe sobre a verdadeira rotina das mulheres que pertencem à monarquia de Dubai, mas todas parecem compartilhar a vontade de fugir.

Princesa Latifa

Em fevereiro de 2018, Latifa al Maktum, filha do rei com Houria Lamara, uma das seis esposas do monarca, publicou um vídeo na internet contando sobre um plano de fuga e mostrando temer por sua vida.

Na gravação, a princesa afirma que o pai é uma farsa, que “só se preocupa com a sua reputação (…) e com o seu ego”.

Princesa Latifa fala sobre plano de fuga

Princesa Latifa fala sobre plano de fuga (Youtube/Reprodução)

“Eu preciso me lembrar de falar tudo, porque este pode ser o último vídeo que eu faço. Muito em breve, eu vou fugir de alguma forma. E eu não tenho certeza se isso dará certo, mas estou 99% otimista de que vai funcionar (…). Se você estiver assistindo a este vídeo, isso não é algo muito bom. Isso significa que ou estou morta ou em uma situação muito muito muito ruim”, afirmou a jovem na gravação que foi enviada para amigos e só seria postada caso o plano de fuga desse errado.

Durante o vídeo, a princesa conta sobre a primeira vez em que tentou escapar do país, em 2002, aos 16 anos. Ela foi capturada na fronteira dos Emirados Árabes Unidos, levada para Dubai e torturada. “Basicamente, um cara me segurava, enquanto outro me batia. Depois das sessões de tortura eu não podia nem andar”, disse. Latifa afirmou ter ficado trancafiada por mais de três anos depois do episódio.

Com a ajuda de amigos, a princesa planejou outra fuga em fevereiro de 2018. Amigos de Latifa contaram a BBC que o plano dela era viajar por terra até Mascate, a capital de Omã. De lá, pegariam um bote até um iate. E, como os Emirados Árabes Unidos controlam as águas do mar Arábico, a estratégia seria navegar até a Índia. Então, ela pegaria um voo até a Flórida, nos Estados Unidos, onde pediria asilo político.

Entretanto, o iate em que ela estava foi interceptado por agentes dos Emirados e Latifa foi levada por eles. Desde então, não há informações comprovadas do paradeiro da jovem, que ficou conhecida por Princesa Árabe Desaparecida. Em dezembro do ano passado, o governo de Dubai divulgou uma foto de Latifa ao lado de Mary Robinson, ex-chefe do Alto Comissariado da ONU para Direitos Humanos e ex-presidente da Irlanda, tirada supostamente em 15 de dezembro em Dubai. Mas a veracidade da informação é questionada por amigos da jovem e ativistas de direitos humanos.

Princesa Shamsa

Durante a mesma gravação, Latifa fala sobre sua irmã mais velha, a princesa Shamsa al Maktum. Como as outras garotas de sua família, Shamsa costumava passar os verões na propriedade da família na Inglaterra, onde praticava equitação. E em agosto de 2000, durante as férias, a princesa fugiu da casa em um carro da família e, apesar de toda a segurança no local, o portão estava aberto e ela conseguiu escapar. Algumas semanas depois, Shamsa foi sequestrada das ruas de Cambridge por agentes de seu pai. Ela foi drogada e levada de volta a Dubai em um jato particular.

Princesa Shamsa

Princesa Shamsa (Reprodução/Reprodução)

Depois desse episódio, Shamsa passou oito anos trancafiada e não há muitas informações sobre a vida dela agora.

Princesa Haya

Filha do falecido rei Hussein da Jordânia, a princesa Haya é a sexta e última esposa do xeque Maktum. Aos 45 anos, Haya fugiu para a Inglaterra e pediu asilo político.

Princesa Haya e o marido, xeque Mohammed

 (AFP/Reprodução)

Segundo fontes próximas a família, Haya, que havia apoiado a forma como o governo de Dubai tratou a fuga de Latifa, descobriu recentemente novos fatos sobre o caso. Ela teve acesso a informações do que realmente aconteceu à filha do xeque.

Então, por temer por sua vida e pela de seus filhos, a princesa Haya fugiu para Londres. Agora, ela se prepara para uma disputa judicial, na qual, além de lutar contra a extradição, pede também a guarda integral de seus filhos.

Confira o vídeo completo do pedido de ajuda de Latifa:

PODCAST – Está na hora de pedir aumento de salário?