Menina brasileira é molestada por americano em parque aquático nos EUA

O suspeito foi preso por assédio sexual sem direito à fiança

Após molestar menina brasileira de 10 anos em parque aquático em Orlando, no estado americano da Flórida, o americano Harry Booth, 26 anos, foi preso sem direito a fiança.

O caso aconteceu na semana passada enquanto a menina se divertia no parque aquático Volcano Bay, da Universal. O agressor mora na Carolina do Sul e foi autuado por assédio sexual.

Em depoimento à polícia, a menina disse que ele se aproximava constantemente dela e que, enquanto ela flutuava na água de uma das piscinas do parque temático, ele tocou suas partes íntimas. A garota contou à tia sobre o episódio, que acionou funcionários do parque aquático. 

De acordo com o Departamento de Polícia do condado de Orange, o suspeito agia de forma suspeita, demonstrando nervosismo, quando foi abordado.

*Com informações da emissora americana Wesh, afiliada da NBC.