Clique e assine com até 75% de desconto

Forever 21 estaria à beira da falência nos Estados Unidos, afirma site

Mas isso não seria necessariamente o fim da empresa.

Por Lucas Castilho Atualizado em 15 jan 2020, 10h46 - Publicado em 30 ago 2019, 15h34

A Forever 21, rede de fast fashion conhecida pelas ~brusinhas~ moderninhas e com preço amigo, estaria preparando documentos para entrar com pedido de falência nos Estados Unidos, conforme afirma o site da Bloomberg, veículo respeitado com notícias voltadas ao mercado financeiro.

De acordo com fontes anônimas, a companhia não está nada bem das pernas já há um tempo (desde 2016, por exemplo, atrasa pagamentos aos fornecedores) e buscava novas formas de ganhar dinheiro, como encontrar novos investidores, porém as tentativas não tiveram sucesso.

O movimento, no entanto, não significa necessariamente que a empresa deve fechar as portas, mas grandes mudanças são esperadas caso esse plano se concretize. Seria mais uma forma de reorganizar as contas, fechar algumas lojas que não geram mais lucro e finalmente operar no azul.

Uma das explicações para esse revés na sorte da marca se encontra na falta de qualidade das peças. Por um preço um pouco maior, consumidores de Zara e H&M, concorrentes diretas, conseguem roupas de melhor qualidade.

Além disso, o modelo de negócios da Forever 21, que propõe uma frequente rotatividade de estoque, não é mais tão atrativo às millennials e garotas da Geração Z (principais clientes), cada vez mais preocupadas em comprar de marcas com práticas mais sustentáveis. A indústria têxtil só perde para a petrolífica no ranking de quem mais polui.

Continua após a publicidade
Publicidade