Clique e assine com até 75% de desconto

Oi, sumida: a calça cintura baixa está oficialmente de volta

As culpadas? As influencers, óbvio.

Por Lucas Castilho Atualizado em 17 jan 2020, 14h46 - Publicado em 5 out 2017, 18h39

Corra para as montanhas! Os anos 2000, esses danadinhos, estão aí “no rolê” novamente há algumas temporadas na luta para conquistar novamente o coração das fashionistas. A década, conhecida por muitos como uma época na qual reinou o mau gosto, conseguiu, recentemente, emplacar as blusas ciganinhas e os conjuntos esportivos nos closets mundo afora, mas ainda era pouco.

Leia Mais: 12 tendências dos anos 2000 que você (provavelmente) vai usar novamente

Por isso, não é novidade alguma a grande quantidade de estilistas, nestas últimas semanas de moda internacionais, empenhados em trazer de volta a tendência mais polêmica de todas. Sim, nós estamos falando da calça cintura baixa. Quem viveu na época sabe, era a peça favorita de 10 entre 10 celebridades. Britney usou, Xtina (saudades, Dirty!) usou, J. Lo usou, Paris Hilton usou,  e até a Michelle Williams, das Destiny’s Child, teve a permissão de Beyoncé para usar.

Sexy, a peça foi onipresente e, vamos lá, não era nem um pouco prática (alô, cofrinho aparecendo!), confortável ou democrática. E quando o cós alto voltou a ser o queridinho do mundo fashion foi um alívio para muita gente, convenhamos!

Oi, sumida

A calça foi a grande aposta nas passarelas de marcas novatas como Chromat e Vaquera e até das veteranas Proenza Schouler, Louis Vuitton (de uma forma mais discreta), Rodarte, Elie Saab e, obviamente, na FentyxPuma, marca da moderníssima Rihanna. As novas versões são atualizadas e lançam mão de novos recortes, tecidos e truques de styling, como quando, em vez de deixar a barriga à mostra, é possível coordenar a peça com um body asa delta, por exemplo.

http://queenkendall-jenner.tumblr.com/post/162756031181/kendall-and-bella-at-london-pride-08072017

Continua após a publicidade

E como uma trend depende das pessoas para se popularizar, em 2017, quem melhor do que as influencers para fazer uma “modinha” acontecer? Kendall Jenner, Bella ThorneGigi e Bella Hadid, Thássia Naves, Olivia Culpo e Emily Ratajkowski já surgiram por aí elegendo o modelo.

View this post on Instagram

Poolside

A post shared by Emily Ratajkowski (@emrata) on

E aí, vai se jogar nessa nova “tendencinha”?

Continua após a publicidade
Publicidade