CLIQUE E ASSINE A PARTIR R$ 6,90/MÊS

Esse detalhe faz com que ‘A Dona do Pedaço’ seja uma novela pioneira

Nunca na história das novelas tivemos algo assim.

Por Fábio Garcia Atualizado em 15 jan 2020, 16h48 - Publicado em 31 Maio 2019, 14h51

Já é sabido que ‘A Dona do Pedaço‘ é uma novela que aborda os LGBTs em seus núcleos secundários. Além do possível affair entre Agno (Malvino Salvador) e Rock (Caio Castro), ainda temos uma personagem trans que é a Britney (Glamour Garcia). No entanto, um detalhe quase passou batido: essa é a primeira novela a ter personagens LGBTs na mesma família.

Rock é irmão de Britney, fazendo com que a família de Dorotéia (Rosi Campos) e Eusébio (Marco Nanini) tenha dois membros do grupo LGBT. Britney, no caso, representa a letra T (de trans), já Rock ainda não temos uma definição se o personagem é gay ou bissexual. De qualquer forma, os dois são contemplados pela sigla.

Embora a gente tenha personagens LGBTs há muito tempo nas novelas, nunca rolou de serem da mesma família. Os homossexuais sempre foram tratados “isoladamente” nas novelas, possivelmente para não ter a ideia de que se um filho é homossexual, todos serão. Atualmente, o espectador de TV já tem o discernimento para saber que o fato de Rock e Britney serem LGBTs é apenas uma coincidência.

Vale também lembrar que Britney já foi bem aceita pela família, com uma ajudinha de Maria da Paz (Juliana Paes), então é possível que o mesmo seja aplicado ao Rock.

Continua após a publicidade

Publicidade