CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 14,90/MÊS

Morre Elza Soares aos 91 anos

O ícone da música brasileira morreu de causas naturais em casa no Rio de Janeiro, nesta quinta-feira (20)

Por Sarah Catherine Seles Atualizado em 20 jan 2022, 18h14 - Publicado em 20 jan 2022, 17h35

Elza Soares morreu aos 91 anos na tarde desta quinta-feira (20) de causas naturais em sua casa no Rio de Janeiro.

“É com muita tristeza e pesar que informamos o falecimento da cantora e compositora Elza Soares, aos 91 anos, às 15 horas e 45 minutos em sua casa, no Rio de Janeiro, por causas naturais”, informa o comunicado enviado pela assessora de imprensa da cantora.

“Ícone da música brasileira, considerada uma das maiores artistas do mundo, a cantora eleita como a Voz do Milênio teve uma vida apoteótica, intensa, que emocionou o mundo com sua voz, sua força e sua determinação”, diz o texto.

View this post on Instagram

A post shared by Elza Soares (@elzasoaresoficial)

“A amada e eterna Elza descansou, mas estará para sempre na história da música e em nossos corações e dos milhares fãs por todo mundo. Feita a vontade de Elza Soares, ela cantou até o fim”, finaliza o comunicado divulgado nas rede sociais da cantora.

Elza morreu no mesmo dia que seu marido, Mané Garrincha, quase quarenta anos depois. Os dois foram casados por 17 anos até 20 de janeiro de 1983, quando a cantora perdeu o marido.

Em uma de suas últimas publicações nas redes sociais, Elza comentou sobre a cantora Maria, que participa da 22ª edição do Big Brother Brasil.

A potência de Elza

Em agosto de 2020, Elza Soares foi uma das capas de CLAUDIA. Na entrevista, a cantora compartilhou sua rotina durante a quarentena, falou sobre música, carreira, seu processo criativo e vida pessoal.

Continua após a publicidade

O ativismo sempre esteve presente em suas letras e ela também incentivava as mulheres a denunciarem seus agressores: “As mulheres precisam denunciar, ter coragem e agir. Liga para o 180 e bota a boca no trombone, grita, por favor, mulher”.

“Eu brigo muito pelas mulheres. Falo em shows, me envolvo com a negritude. A mulher negra está sempre atuando, correndo e eu acompanho esses movimentos porque me identifico, claro. É fundamental que nós, mulheres, acreditemos mais em nós mesmas, saibamos que temos uma força muito grande e não tenhamos medo de fracassar. Não podemos facilitar para quem não quer nosso crescimento. Digo que devemos sempre ter um pé à frente para buscar o melhor”, disse Elza.

Confira: Elza Soares: “Se você não for generosa com você mesma, ninguém vai ser”

Reação de personalidades nas redes sociais

Continua após a publicidade

Publicidade