Clique e assine Claudia a partir de R$ 5,90/mês

Deborah Secco: “Nunca faria sexo por dinheiro”

A estrela fala sobre seus próximos papéis: uma ex-BBB em Insensato Coração e Bruna Surfistinha no cinema

Por Redação M de Mulher - Atualizado em 20 jan 2020, 12h24 - Publicado em 13 jan 2011, 21h00

“Depois de ‘Bruna Surfistinha’ eu aprendi a não julgar e a aceitar as pessoas como elas são”
Foto: Divulgação

Como é a Natalie de Insensato Coração, sua 13ª novela?
Um mulherão! E ela se acha a mais gostosa e famosa do mundo! É meio sem noção e isso lhe dá um ar cômico. Viveu seus cinco minutos de fama num reality show. Fez muitos comerciais, posou nua duas vezes e não quer aceitar que tudo já passou. Mas tem bom coração. Com o dinheiro que ganhou, comprou um apartamento em um bairro legal e tirou a família da favela do Vidigal.

Mas vai tentar dar o golpe do baú, não?
Ela quer o que toda mulher deseja: um homem rico, bonito, bom de cama, interessante e inteligente. Ou seja, o impossível (risos).

A Natalie não é um pouco parecida com a Darlene, de Celebridade (2004)?
As comparações com a Darlene são normais,afinal ambas foram escritas pelo Gilberto Braga e têm essa ligação com a fama. Mas eu as considero totalmente diferentes! A Darlene era uma garota espevitada e queria fama. Natalie já é um pouco famosa, mas se acha uma celebridade de altíssimo padrão e tem uma força como mulher.

Você se inspirou em alguma ex-BBB?
Não. Até porque a Natalie já saiu do reality há três anos e eu não costumo acompanhar a vida das ex-BBBs fora da casa. Para mim o grande barato é ver aquelas pessoas no limite da sobrevivência, gosto muito de assistir às provas de resistência no confinamento. Não tenho interesse nenhum em seguir a vida delas depois.

Já está todo mundo dizendo que sua personagem vai ser um sucesso. Qual a sua expectativa?
Eu torço muito para que gostem dela tanto quanto eu estou gostando de fazer. Fico com um pouco de medo de criar uma expectativa grande, porque ela é uma personagem que chega devagarzinho e vai crescendo com o tempo.

Deborah Secco: "Nunca faria sexo por dinheiro"

Deborah Secco na pele da espevitada Natalie e de Bruna Surfistinha
Fotos: Divulgação

Continua após a publicidade


O que acha das mulheres que fazem qualquer coisa por dinheiro?
Depois do filme (Bruna Surfistinha) eu aprendi a não julgar e a aceitar as pessoas como elas são ou como conseguem ser.

Já recebeu alguma proposta indecente em troca de conseguir um papel ou uma boa grana?
Jamais venderia meu corpo. Nem faria nada por dinheiro ou para ganhar um trabalho importante!

E se fosse muita grana?
Nunca! Faço tudo que posso para manter minha dignidade e minha consciência tranquila, para fazer o meu trabalho da melhor maneira possível. Isso realmente é o que me faz feliz. Comecei a trabalhar como atriz muito novinha, mas sempre tive minha mãe ao meu lado, me acompanhando em todas as gravações e me ensinando a impor limites e a me preservar.

Depois de rodar o filme já foi convidada para posar nua novamente?
Se fosse, não faria. Eu me dediquei de uma forma única a esta personagem dramática, diferente do que as pessoas pensam que ela é, e não desviaria o foco de jeito nenhum. Estarei mostrando um outro lado profissional, mais denso, e esse não seria o momento para posar nua.

E como anda sua expectativa para o lançamento de um filme tão polêmico?
Estou superansiosa. Eu já assisti, ficou sensacional e estou louca para que as pessoas vejam e deem suas opiniões. Não foi fácil fazer, principalmente as cenas em que a personagem usa drogas. Precisei de ajuda especializada, para que me explicassem detalhes de como funcionam, como usar e quais os efeitos, para poder fazer bem-feito. Sempre fui caretona.

E já chegou a se deslumbrar com a fama?
Não. Graças a Deus sei separar o mundo real da ficção. Não tenho problema em sair nas ruas e ser reconhecida, sempre me tratam com educação, carinho, e aprendi a lidar bem com o sucesso.

Você usa uma gargantilha com a letra R em homenagem ao seu namorado Roger, não?
Prefiro não falar no assunto. Só posso dizer que estou muito feliz!

Continua após a publicidade
Publicidade