Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Saiba os detalhes da cerimônia de premiação do Oscar 2021

A premiação, que vai na contramão de outros prêmios já celebrados, acontecerá no formato presencial e usará minimamente recursos via internet

Por Da Redação 31 mar 2021, 14h48

A cerimônia do Oscar, que geralmente acontece entre fevereiro e início de março, este ano está agendada para o dia 25 de abril. Diferente de outras premiações, que adotaram os modelos 100% digital através de videoconferências e híbrido, o Oscar será feito no modelo presencial, seguindo medidas sanitárias para evitar o contágio e disseminação do coronavírus.

Em Los Angeles, a premiação será transmitida ao vivo de dois lugares diferentes: o Teatro Dolby, tradicional sede do Oscar desde 2002, e a estação de trem Union Station.

De acordo com as informações, a cerimônia não contará com apenas um anfitrião, como de costume, mas sim com diversos apresentadores ao longo da transmissão.

A Academia de Hollywood já anunciou que poderá participar da cerimônia apenas os apresentadores das categorias, os indicados e seus convidados. Seguindo um padrão adotado pelo Grammy, a estrutura será montada em um espaço ao ar livre.

Confira aqui a lista completa de indicados ao Oscar 2021.

Para os indicados estrangeiros que não puderem viajar até os Estados Unidos, a cerimônia terá sedes na Grã-Bretanha e em Paris, de acordo com a informação de fontes ligadas ao evento cedidas à France Presse.

Continua após a publicidade

Nestes dois pontos na Europa, não haverá apresentadores, que irão ficar apenas em Los Angeles. Ainda assim, a produção do evento “planeja algo especial no Reino Unido.”

Este é o único caso de flexibilização por parte dos organizadores do evento enquanto ao uso das videoconferências, que até o início do planejamento havia sido negado aos indicados estrangeiros que não pudessem ou não fossem a favor de viajar.

A limitação do uso de ferramentas remotas é justamente para evitar críticas e decepção, como o já ocorrido em outras premiações durante a pandemia, como o Globo de Ouro, em fevereiro.

  • Continua após a publicidade
    Publicidade