Como fugir de fórmulas mágicas

Por que as pessoas gostam tanto de fórmulas mágicas para solucionar suas questões? Vou te dar uma dica de amiga: é tentador, eu sei, mas fuja

Me lembro de quando trabalhei em uma montadora, na qual recebíamos clientes que iam “buscar” o carro que “compraram” pela metade do preço por meio de anúncio desconhecido no jornal. O valor do suposto automóvel tinha que ser depositado antes em uma conta qualquer, e dezenas de pessoas acreditavam nesse golpe.

Por que será que queremos sempre o caminho mais fácil? Me parece óbvio que ninguém quer trilhar um caminho de dificuldades, mas parando para pensar, se a solução rápida e fácil existisse, não haveria mais problemas para ninguém. Então para que perder foco e energia em algo que não é real?

Digo isso porque identifico um perfil em comum nas pessoas que estão buscando estes caminhos fáceis. Na maioria das vezes, estão vivendo momentos emocionais frágeis e acabam sendo induzidas a acreditar em qualquer solução que apareça pela frente, fácil e sem muito esforço.

Alguns exemplos de “fórmulas mágicas” que vemos por aí: 

Aqueles e-mails que deixam herança de milhões de reais de alguém que sabia que você estava precisando do dinheiro;

Os concursos que dão um iPhone de graça para quem preencher um cadastro;

As promessas de ganhar 5 mil reais por mês, dedicando somente duas horas por dia, na sua própria casa;

O novo aplicativo que milhões de pessoas vão usar e vai te deixar rico;

A dieta da moda que promete emagrecer para sempre;

Promessas milagrosas de rendimentos financeiros maiores do que todas as aplicações existentes;

Precisamos mudar essa mentalidade de que há ganhos fáceis e tomar cuidado para não apostar em exemplos alheios, às cegas. O que funcionou para o outro, pode não funcionar para você. Por via das dúvidas, tome atitudes que fortaleçam a busca pelos seus objetivos:

Diga sim para sua vida social  

Conheça pessoas fora do seu círculo comum de amizade, converse com quem tem objetivos parecidos com os seus, e também com quem já chegou lá. Já ouviu falar que “quem é visto é lembrado”? Quanto mais pessoas você conhecer, mais chances de ter seu trabalho reconhecido, de receber indicações e ajuda. Proponha-se ir a um evento diferente a cada 15 dias e não tenha vergonha de trocar contatos e chamá-los para um café.

Mantenha-se atualizado, sempre

Não tem problema não ter dinheiro para fazer a pós-graduação ou MBA dos sonhos. O importante é não ficar parado e demonstrar que está sempre disposto a aprender. Além disso, quanto maior o seu conhecimento, maior as chances de pensar em soluções e ter ideias criativas sem sofrer.

Aposte em cursos gratuitos on-line, siga canais de plataformas de educação, aprenda uma língua nova usando aplicativos gratuitos.  Aqui vão algumas dicas de plataformas para atualizar-se:

Plataforma de cursos: https://pt.coursera.org/

Material para certificação em AdWords:

https://support.google.com/partners/topic/2799680?hl=en&ref_topic=3204437

Plataforma para aprender idiomas gratuitamente: https://pt.duolingo.com/

Aprender marketing digital gratuitamente: https://web.facebook.com/blueprint

Por fim, não tenha dúvidas de que o melhor caminho é o do trabalho, do bom relacionamento e da dedicação em buscar por seus objetivos.

Sugestões: contato@rme.net.br

 

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s