Casamento: 5 substitutos criativos para a chuva de arroz

De bolinhas de sabão a pompons, não faltam opções para reinventar a tradição

Diz a lenda que há centenas de anos, um poderoso mandarim chinês encomendou uma chuva de arroz para jogar em sua filha após a cerimônia de casamento. A ideia era que o ato simbolizasse toda a sua riqueza e o seu amor pela jovem.

Os anos passaram e o costume que conquistou as famílias mais ricas do império chinês, onde o arroz sempre foi símbolo da prosperidade, logo foi ganhando o mundo. Ao jogar os grãos nos noivos, os convidados desejam fartura e fertilidade ao novo casal. E como toda tradição, a chuva de arroz também já foi repaginada, ganhando novos elementos, cores e formatos.

Veja algumas alternativas:

(Pinterest/Reprodução)

1. Chuva de arroz em formato de coração: Tendência em casamentos, esses grãos são ecofriendly, se dissolvem na água e têm um cheirinho agradável de baunilha. O efeito nas fotos é lindo!

2. Bolinhas de sabão: Já estão entre as opções preferidas das noivas brasileiras. A ideia permite a personalização de embalagens com a identidade visual da festa e sempre faz sucesso entre adultos e crianças. Antes de aderir, certifique-se de que o espaço permite o uso de bolinhas de sabão e de que o piso não ficará escorregadio.

3. Pétalas: Jogar flores na noiva era costume entre os antigos romanos, que acreditavam que as flores trariam sorte e amor ao novo casal. Elas perfumam o ambiente e ajudam na composição de lindos cliques. O ideal é utilizar pétalas de rosas de cetim perfumadas, que são reutilizáveis e não oferecem o risco de manchar a roupa dos noivos.

4. Pompons: Uma opção divertida para casamentos descontraídos. Feitos de lã, os pompons surgem como alternativa barata para dar mais cor à cerimônia.

5. Sky Paper: O efeito metalizado dos papeis cria fotos incríveis do casal. A desvantagem do material é que ele gruda no corpo e pode manchar os trajes dos noivos.

DICA: Não é necessário entregar os mimos a todos os convidados. O ideal é que apenas 30% dos convidados recebam os envelopes. Isto reduz o volume da chuva e garante fotos mais bonitas e menos sujeira no ambiente. Se possível, deixe os saquinhos amarrados nos assentos. Desta forma eles passam a fazer parte da decoração. Se não houver como deixá-los nas cadeiras, peça ao cerimonialista para entregar aos convidados logo ao fim da cerimônia, durante os cumprimentos aos padrinhos e pais. Certifique-se de que as normas do salão ou igreja permitem a chuva de arroz, pétalas ou que você tiver escolhido. Alguns espaços não permitem nenhum tipo de chuva por acreditarem que o material no chão pode acusar acidentes.

Seja lá qual for sua escolha, o importante é festejar!

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s