Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

Cidades paulistas cancelam queima de fogos em respeito aos animais domésticos

Municípios de Castilho e Penápolis (SP) contaram com o apoio da população

Por Ana Carolina Castro Atualizado em 28 out 2016, 18h36 - Publicado em 31 dez 2015, 14h25

As cidades de Castilho e Penápolis, no noroeste de São Paulo, não farão a tradicional queima de fogos de artifício no réveillon este ano.

As prefeituras cancelaram o show com o objetivo de evitar o sofrimento de cachorros e gatos. Claro que a crise econômica também pesou na decisão das administrações municipais. Com o cancelamento, a cidade de Castilho estima uma economia de R$12 mil. A decisão contou com o apoio de 80% da população e da Associação Protetora dos Animais de Castilho (Apaca).

Em nota, a prefeitura de Penápolis justificou o cancelamento como medida de “respeito aos animais” e afirmou que “o barulho dos fogos de artifício causa grande dor aos animais e prejudica sua audição”.

Ambas as prefeituras ressaltaram que “pedidos da comunidade e entidades” foram decisivos para não soltar fogos no réveillon.

Continua após a publicidade
Publicidade