Assine CLAUDIA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Calistenia: o que é, benefícios e como praticar

Apesar do nome complicado, a prática é mais comum do que se imagina! Saiba como dar início a essa modalidade tão versátil

Por Marina Marques Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
30 ago 2022, 09h31

O nome pode parecer complicado, mas a calistenia é um esporte, em teoria, simples: basta utilizar o próprio corpo para exercitar-se. Entretanto, apesar da simplicidade, a prática é desafiadora e, por isso, resulta em inúmeros benefícios para o corpo – desde a perda de gordura corporal até a tonificação dos músculos – e por isso tem ganhado cada vez mais adeptos.

O termo calistenia vem do grego kallos, que significa “beleza” e sthenos, que significa “força”. O exercício desenvolve habilidades como força sobre o próprio corpo, equilíbrio, noção de espaço e flexibilidade.

Calistenia
A prática da calistenia se dá com o peso do próprio corpo, sem a necessidade de equipamentos (| Foto: Jess Loiterton/Pexels)

Para entender melhor sobre o assunto, conversamos com o educador físico José Corbini, sócio da plataforma online Personal Virtual, e com Eduardo Netto, diretor técnico da Bodytech. Eles dão dicas de como iniciar a prática, explicam os cuidados durante os exercícios e falam sobre os benefícios da calistenia. Confira a seguir!

Como praticar calistenia

Como a ideia dessa prática é utilizar o peso corporal, não há necessidade de equipamentos. “Mas existem casos em que se utiliza o mínimo possível para se praticar. São equipamentos básicos como bastões e barras fixas, sendo geralmente utilizados como um ‘suporte’, mas não são uma necessidade”, explica o educador físico José Corbini.

“Geralmente o treino de calistenia segue uma série de sequências simples, como flexões, agachamentos e exercícios para a região do core – abdômen, lombar e quadril –, elaborados de acordo com o nível de condicionamento físico do praticante”, complementa Corbini.

Aliás, é também possível unir a prática a outras atividades para criar mais dinamismo, além de poder ser praticada em duplas ou grupos. “Algumas técnicas da calistenia são incorporadas em algumas modalidades esportivas, como crossfit, treinamento funcional e ginástica, principalmente”, explica o especialista Eduardo Netto.

Continua após a publicidade

No vídeo, o professor André Tombini, da Bodytech, ensina alguns tipos de treino de calistenia, do iniciante ao avançado, confira:

Os benefícios da calistenia

São vários fatores positivos, físicos e mentais, que a prática de calistenia pode promover, mas vale ainda citar a vantagem do baixo custo, já que a modalidade não requer equipamentos para sua prática, nem ambientes específicos. “Como é uma prática versátil, ela pode ser feita em casa, na academia ou na rua, ou seja, em qualquer lugar”, explica Corbini.

Calistenia
A prática da calistenia se dá com o peso do próprio corpo, sem a necessidade de equipamentos (| Foto: RODNAE Productions/Pexels)

Segundo Eduardo Netto, a calistenia traz os benefícios comuns de toda atividade física, “mas existem as melhorias específicas dessa atividade, que vão desde o aperfeiçoamento da resistência muscular, a mobilidade, a coordenação motora, o equilíbrio e até do condicionamento cardiovascular”.

Além disso, uma diferença notória em relação à musculação é que na calistenia não há a adição de pesos, “o que de certa forma evita a sobrecarga nas articulações, já que na musculação geralmente trabalhamos com a progressão de cargas”, explica Corbini. “Por outro lado, em determinados objetivos, como no aumento da massa muscular (hipertrofia), a musculação seria mais indicada”, complementa o especialista.

Continua após a publicidade

Confira abaixo alguns dos benefícios citados pelos especialistas:

  • Pode ser feita em qualquer lugar, sem necessidade de equipamentos
  • A modalidade trabalha o corpo como um todo
  • Consciência corporal
  • Exercícios básicos de fácil aprendizagem
  • Aumento de força e tonificação dos músculos
  • Perda de gordura corporal
  • Aumento da flexibilidade e coordenação motora
  • Melhora do bem-estar e controle das emoções

Cuidados durante a prática

Se interessou pela praticidade da calistenia? Então pode ir em frente, pois, segundo os especialistas, não há contraindicação para iniciar tal prática: mas desde que não existam lesões ou condições de saúde que limitem a prática de exercícios. A liberação médica para realizar atividade física também é fundamental.

É também essencial a presença de um profissional ou de alguém que já esteja dentro da modalidade e tenha amplo conhecimento, garantindo que o esporte seja realizado com segurança e confiança. “É muito importante respeitar o nível de condicionamento físico de cada aluno e nunca desprezar a intensidade, mesmo que a sobrecarga seja apenas seu peso corporal”, aconselha Eduardo Netto.

Outro conselho é respeitar os limites e ter paciência para conquistar os resultados. “Geralmente a progressão se dá naturalmente, claro que respeitando seu tempo e limite. O mais importante é aumentar o nível de concentração e ficar de olho na execução dos exercícios, para evitar possíveis lesões”, finaliza o educador físico José Corbini.

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Moda, beleza, autoconhecimento, mais de 11 mil receitas testadas e aprovadas, previsões diárias, semanais e mensais de astrologia!

Receba mensalmente Claudia impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições
digitais e acervos nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de R$ 12,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.