Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

O Duelo: Filme baseado em obra de Jorge Amado foi o último trabalho de José Wilker

Com estreia marcada para 19 de março, o romance ganha as telonas com fortes nomes da dramaturgia como Patrícia Pillar, Claudia Raia e Marcio Garcia

Por Stephanie Bevilaqua (colaboradora) Atualizado em 28 out 2016, 10h22 - Publicado em 9 mar 2015, 15h06

Um belo dia, a pacata cidadezinha Periperi recebe a visita de um ilustre sujeito: o Capitão-de-Longo-Curso Vasco Moscoso de Aragão. Interpretado pelo ator português Joaquim de Almeida, o comandante seduz os moradores da vila com suas incríveis histórias sobre as aventuras que viveu em alto-mar. Depois de conquistar a todos, outro bonachão entra em cena. José Wilker é Chico Pacheco, um contador de causos muito querido em Periperi, lugar o qual visita de tempos em tempos.

O enredo de O Duelo é baseado no romance de Jorge Amado “Os Velhos Marinheiros ou o Capitão de Longo Curso”, publicação posterior ao sucesso  “Gabriela, Cravo e Canela” e está com estreia marcada para o dia 19 de março deste ano. Apesar do livro ambientar a história na Bahia do século 1920, em entrevista a CLAUDIA, o diretor Marcos Jorge (“Estômago”), junto do elenco do filme, conta que a produção é atemporal e que espaço e tempo são subjetivos. “A história é mesmo um clássico, pode ser interpretada por diferentes gerações em qualquer lugar do mundo”, diz em coletiva de imprensa armada nesta segunda-feira (09).

Divulgação
Divulgação

Além da atuação marcante de Wilker, última do ator que faleceu em abril de 2014, o personagem de Chico chega para dar vida ao enredo. Depois que o título de “o mais admirado da cidade” foi repassado ao capitão e suas histórias cabeludas, ele desconfia de tanta fantasia e decide investigar se tudo aquilo que ele conta é mesmo verdade. “Ninguém quer ser o chato da festinha”, completa a atriz Tainá Müller, que vive Dorothy, uma antiga paixão do comandante Vasco.

Após muito investigar, Chico volta a Periperi com o anúncio: “O capitão não passa de uma farsa!”, em alto e bom tom para todo mundo ouvir as verdades sobre o herói dos mares. Com quem estará a verdade? Com o comandante ou com seu detrator?

Continua após a publicidade

Divulgação
Divulgação

Atriz, bailarina, cantora e produtora, Claudia Raia vive Carol, a simpática dona do bordel que acolhe os marinheiros que lá desembarcam em busca de diversão. Atualmente com 48 anos, ela vive a paranormal Samantha, na novela “Alto Astral”. Claudia completa 30 anos de carreira em 2015, e promete estrear ainda este ano o musical biográfico Raia, 30 Anos. “Não é um espetáculo de colagens com os melhores momentos, porque eu acho isso cafoníssimo! Vou contar as minhas memórias com uma visão diferente, afinal, são apenas os 60% da minha vida. Os outros 40 é futuro, ainda tenho muita coisa para fazer!”.

Durante a conversa com o elenco do filme, a atriz também contou que acha difícil fazer cinema. “É desafiador estar nas telonas em grandes proporções. Mas eu adoro! Não faço mais por falta de agenda, mas é sempre uma boa escola poder aprender com quem sabe”, completa ela com saudosismo ao trabalho de Wilker. “Com esse filme, a gente se despediu dele.”

 

 

Continua após a publicidade
Publicidade