Clique e assine Claudia a partir de R$ 8,90/mês

Bloquinho carioca interrompe folia para encontrar mãe de criança perdida

Gesto do Bloco Boi Tolo e foliões emocionou a vendedora ambulante Ágata

Por Da Redação - 3 mar 2019, 16h46

O Boi Tolo, conhecido por ser o “bloco que nunca para”, foi obrigado a fazer uma pausa na manhã deste domingo, 3, enquanto desfilava pelo centro do Rio de Janeiro.

E por uma boa causa: ajudar uma criança perdida a encontrar a mãe. Segundo relatos, a folia parou por cerca de 20 minutos, enquanto todos se sentaram e gritaram o nome de Ágata, mãe do pequeno Rafael.

Ao jornal O Globo, a vendedora ambulante agradeceu o gesto: “Eu fiquei impressionada com a humildade e a simplicidade desse bloco”.

View this post on Instagram

Continua após a publicidade

O Boi Tolo viveu um momento mágico na manhã deste domingo de Carnaval. O 'bloco que nunca para' interrompeu a folia para ajudar uma criança perdida a encontrar sua mãe. Por cerca de 20 minutos, os músicos pararam a música, se sentaram no chão e gritaram o nome de Ágata até que a ambulante aparecesse. Quando aconteceu o encontro, uma catarse coletiva tomou conta do bloco. "Em um segundo ele sumiu. Senti desespero e agora felicidade. Eu fiquei impressionada com a humildade e a simplicidade desse bloco", conta a trabalhadora, que ganha R$ 70 por um dia inteiro de trabalho vendendo bebidas. O momento, provavelmente, foi mais um daqueles que entram para história do carnaval de rua do Rio. (Foto: Márcia Folleto/Agência O Globo) #BoiTolo #Carnaval2019 #CarnavaldeRua #Carnario #Carnaval #Rio #rj #riodejaneiro #JornalOGlobo

A post shared by Jornal O Globo (@jornaloglobo) on

Publicidade