Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

‘Amor à Vida’ é a Novela do Ano

Além de encantar o público, a trama de Walcyr Carrasco levou o prêmio mais importante da noite

Por Priscila Doneda Atualizado em 15 jan 2020, 02h59 - Publicado em 28 jul 2014, 21h00

Amor à Vida foi eleita a Novela do Ano na 16ª edição do Prêmio Contigo!, realizado nesta segunda-feira (24), no suntuoso Copacabana Palace, no Rio de Janeiro. Escrita por Walcyr Carrasco e exibida pela Globo, a trama superou as concorrentes Chiquititas, Dona Xepa, Em Família, Joia Rara e Sangue Bom.
 
O troféu, entregue por­­­­­­­­­­­­ Letícia Spiller para o diretor Mauro Mendonça Filho, coroa o primeiro trabalho do autor na cobiçada faixa das nove horas. O folhetim, que fechou com média de 36 pontos de audiência, além de ter explodido em repercussão nas redes sociais, foi responsável por elevar os índices da emissora carioca no horário. Um grande êxito. “A novela foi longa e trabalhosa. Não foi uma unanimidade mas uma coisa era inquestionável – tinha um elenco espetacular. E deixou um legado importante”, disse Mauro em seu discurso.
 
A trama
 
Com um vilão carismático, o Félix, vivido por Mateus Solano, a novela caiu de fato no gosto popular. Centrada no drama de uma família disfuncional, os Khoury, e no dia a dia de um hospital, a trama apresentou diversos temas polêmicos. Papéis cômicos como os de Valdirene (Tatá Werneck), Márcia (Elizabeth Savalla) e Perséfone (Fabiana Karla) também garantiram o sucesso da obra junto aos telespectadores.
 
Entre os assuntos levados ao ar destacam-se alguns Tabus: autismo, barriga solidária, amor na terceira idade, busca pela fama e rivalidade entre irmãos. Capítulos-chave, como quando Paloma (Paolla Oliveira) descobria que seu próprio irmão havia jogado a filha numa caçamba, fizeram o público vibrar.
 
Mérito para a exibição do primeiro beijo gay da teledramaturgia global. Exibida no último episódio, a cena fincou para sempre os nomes de Mateus Solano e Thiago Fragoso, intérprete do Niko, na história das telenovelas.

Publicidade