CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR R$ 14,90/MÊS

Dieta Dukan e passeios com cachorro fizeram Maria secar 11 kg

Nossa leitora seguiu firme e forte na dieta Dukan e encontrou maneiras de se exercitar. O resultado? 11 quilos a menos em apenas 4 meses!

Por Redação M de Mulher Atualizado em 15 jan 2020, 11h17 - Publicado em 1 dez 2013, 21h00

Maria perdeu as gordurinhas em apenas 4 meses!
Foto: Alan Teixeira, Fabio Castelo

A jornalista Maria Bruckheimer, 34 anos, decidiu mudar de vida depois de engordar 9 kg em dois anos e chegar aos 68 kg. O ganho de peso teve um motivo, digamos assim, romântico. A vida de recém-casada, repleta de jantarzinhos calóricos, contribuiu para os quilos extras. Decidida a emagrecer, Maria criou estratégias para mexer o corpo, como passear por meia hora todos os dias com Nicolas, seu yorkshire, e adotou a dieta Dukan. Resultado? Seu vestido de noiva hoje fica largo no corpo! Inspire-se no relato de nossa leitora e emagreça também.

Abandonei o jeans

Nunca fui supermagra e já estive cheinha outras vezes, como na época da faculdade. Mas, depois que me casei, há pouco mais de dois anos, engordei  bastante porque vivia fazendo jantares românticos com meu marido. Não queria abrir mão desses momentos gostosos com ele. Abandonei o jeans e só usava calças sociais, mais folgadas. Em março deste ano, ao me ver nas fotos de uma festa, levei um susto. Parecia muito acima do meu peso! Resolvi me pesar e descobri que estava com 68 kg, 9 kg a mais que o meu normal. Uma amiga soube do meu drama e me apresentou a dieta Dukan. Fui atrás do livro, comprei e achei fácil de seguir, já que gosto de proteína, a base do programa, e não tenho o menor problema em deixar doces de lado. Mas eu sabia que só  conseguiria emagrecer se passasse a me mexer mais. Como detesto academia, precisava encontrar maneiras diferentes de sair do sedentarismo. Comecei  a caminhar com meu cachorro durante meia hora, todo dia, de domingo a domingo. Antes, minhas saídas com o Nicolas eram rapidinhas. Também decidi abandonar o elevador do prédio onde moro. Passei a subir e descer cinco andares pelas escadas sempre que precisasse chegar ou sair.

Meu marido incentiva

Ao mesmo tempo em que ia encontrando brechas na rotina para movimentar meu corpo, peguei firme na dieta Dukan. Nos primeiros cinco dias, comia só proteína. Perdi 1,5 kg logo de cara. Depois, fui adicionando legumes e carboidrato às refeições. No começo, do que eu mais sentia falta era poder comer fruta e feijão e tomar meu vinho no fim de semana. Meu marido achava loucura eu me privar de tanta coisa. Afinal, em algumas fases da dieta, é proibido comer qualquer tipo de carboidrato. Quando ele percebeu que minha força de vontade era enorme e que aquilo estava me fazendo bem, me incentivou e até tentou se adequar também. Evitamos pedir pizza em casa e, se vamos jantar fora, procuramos um lugar que tenha opções mais leves. Hoje estou na fase da dieta em que todos os alimentos são liberados, mas durante um dia da semana só posso colocar fontes de proteína no prato, como clara de ovo, carne vermelha, frango e peixe. E eu tenho que comer três colheres de sopa de farelo de aveia todo santo dia para melhorar o funcionamento do intestino, diminuir a absorção de açúcar e gordura pelo organismo e sentir menos fome entre as refeições. Graças à dieta e aos meus passeios com o Nicolas, em quatro meses consegui eliminar 11 kg e agora uso manequim 38. Aprendi que é necessário ter foco para não desistir. Se seu objetivo é esse, siga firme até o fim!

Continua após a publicidade
Publicidade