Clique e Assine CLAUDIA por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

Por que as minhas unhas estão amarelas?

Entenda as razões para o amarelamento das unhas e como lidar com ele

Por Adriana Marruffo
Atualizado em 25 jun 2024, 12h36 - Publicado em 25 jun 2024, 09h00

O cuidado com as unhas vai para além do esmalte e da remoção das cutículas, especialmente quando notamos alguma anormalidade nelas, como manchas ou, também, a mudança na coloração. As unhas amarelas estão entre os principais distúrbios da região e, com frequência, são associadas ao uso constante de esmaltes – mas não é só isso. 

Se você já se perguntou: “Por que as minhas unhas estão amarelas?”, a CLAUDIA descobriu as principais causas e, também, como lidar com o amarelamento. Veja:

Por que as minhas unhas estão amarelas?

Uso de esmaltes escuros

Existe uma variedade de causas que podem levar ao amarelamento da superfície das unhas. “Entre as causas mais comuns, temos o uso frequente de esmaltes escuros, pois o pigmentos destes se impregna na lâmina ungueal, sendo uma das causas para a discromia”, explica Danilo Talarico, médico pós-graduado em Dermatologia Clínica- Cirúrgica. Então, sim, infelizmente, o uso em excesso de esmaltes escuros pode levar a uma mudança na coloração. 

Ao se infiltrar na unha, os pigmentos – altos em óxido de ferro e amônia – se oxidam na lâmina ungueal e, por consequência, resultam no aspecto temporário de unhas amarelas. 

Consumo de cigarro

“O tabagismo também pode afetar a coloração das unhas, pois pode causar um déficit na circulação sanguínea periférica e, também, por diminuir a concentração de oxigênio no sangue circulante”, aponta Mônica Aribi, dermatologista e sócia efetiva da Sociedade Brasileira de Dermatologia. 

Ademais, as substâncias nocivas presentes no cigarro, como nicotina e alcatrão, se impregnam nas unhas, o que pode, inclusive, resultar em um odor forte e alteração no formato natural. 

Continua após a publicidade

Deficiência de vitaminas e nutrientes

A existência de deficiências nutricionais colabora para o amarelamento das unhas. Entre as deficiências que podem acarretar na distrofia ungueal, os médicos destacam a biotina, vitamina A, vitamina C, vitamina B12, zinco e ferro.

“Buscar uma alimentação equilibrada e saudável, com certeza, ajudará a manter a beleza e saúde das unhas”, complementa Talarico. 

Envelhecimento

“O envelhecimento natural pode levar ao amarelamento das unhas. Com o passar do tempo, as unhas se tornam mais finas e frágeis, a produção de queratina diminui e a camada abaixo da unha fica mais espessa. Isso torna as unhas mais propensas a adquirirem uma coloração amarelada”, explica o médico Danilo Talarico. 

Ademais, com o passar do anos, é desenvolvida uma deficiência de oxigenação nos tecidos ao redor das unhas. 

Problemas de saúde

Para além dos problemas usuais que costumam levar ao amarelamento das unhas, outras condições de saúde também podem resultar na mudança de coloração: “Doenças metabólicas como DPOC, Psoríase (ungueal), omnicose e nefropatias, hepatopatias também podem culminar com o amarelamento e espessamento das unhas”, coloca Talarico.

Continua após a publicidade

Já Mônica acrescenta que, em casos mais extremos, a coloração amarelada pode ser um indício de doenças pulmonares, tireoide ou diabetes. 

Como remover o amarelamento das unhas?

Por sorte, a tonalidade amarelada das unhas não é permanente e existem táticas para se livrar do problema. Caso a cor tenha surgido a partir do uso de esmaltes escuros, a cor tende a sumir com o passar do tempo, mas Talarico também recomenda dar intervalos entre as esmaltações e preferir cores claras.

Caso você não consiga abandonar os tons vibrantes, é interessante usar uma boa base protetora antes de aplicar o esmalte, removê-lo com delicadeza e com um produto sem acetona. 

Já em relação às deficiências: “Consuma frutas e legumes ricos em vitaminas A e C, antioxidantes essenciais para a saúde das unhas. Carnes, aves, peixes, ovos, laticínios,  leguminosas, grãos integrais, nozes e sementes podem ser boas sugestões alimentares para manter a saúde das unhas”, explica Talarico. 

Cso você esteja buscando uma solução imediata, os médicos nos deram algumas dicas para lidar com o amarelamento.

Continua após a publicidade
  • Use produtos industrializados como removedor de esmalte com peróxido de hidrogênio ou cremes clareadores ungueais com a mesma base de ativo do removedor;
  • Faça a imersão das unhas em soluções à base de vinagre branco, suco de limão,  bicarbonato ou  creme dental por 10 a 15 minutos, 3 vezes por semana.
Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Moda, beleza, autoconhecimento, mais de 11 mil receitas testadas e aprovadas, previsões diárias, semanais e mensais de astrologia!

Receba mensalmente Claudia impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições
digitais e acervos nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de 14,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.