Assine CLAUDIA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Como se livrar da tosse

Ela é um sintoma que pode ser aliviado em casa se for um quadro leve. A consulta médica, porém, é muito importante para tratar suas causas

Por Lorraine Moreira
20 Maio 2024, 08h00

A tosse é um sintoma persistente em tempos secos ou frios. O incômodo piora quando ela se torna constante e pode até ser um sinal de algo mais grave ou vir acompanhada de algum problema respiratório. Trouxemos as melhores estratégias para acabar com a tosse de forma rápida e eficaz, inclusive uma receita com ingredientes fáceis.

Por que a tosse aparece?

Antes de se perguntar como parar de tossir, é preciso saber que essa é uma forma de defesa do corpo. O organismo tenta limpar a garganta e retirar as possíveis sujeiras ou microrganismos que estejam tentando entrar no corpo.

A tosse é sempre o sintoma de uma condição subjacente, seja um simples resfriado, rinite, sinusite, refluxo, asma ou até doenças mais graves como pneumonia, enfisema e câncer”, diz Maria Cecília Maiorano, doutora em pneumologia pela USP. 

O pneumologista é o profissional responsável por investigar corretamente a causa, avaliando o tempo do início do sintoma e das manifestações associadas por meio de exames clínicos e exames complementares, segundo a médica.

Continua após a publicidade

Quais são os tipos de tosse?

A tosse pode ser causada por diversas condições, é verdade, mas você sabia que é possível separá-la em tipos diferentes? Confira cada um:

  • A tosse aguda é aquela que dura menos de 3 semanas e é frequentemente causada por rinite, sinusite, exposição a alérgenos, pneumonia e infecções virais como resfriados, gripe e COVID-19. 
  • Tosse subaguda, a de 3 a 8 semanas, pode ser decorrente de infecções virais prolongadas, tuberculose e coqueluche. 
  • Tosse crônica, com mais de 8 semanas, é geralmente associada à asma, rinossinusite, doença do refluxo gastroesofágico, alguns medicamentos para pressão alta e doenças mais graves como enfisema, bronquite crônica, fibrose pulmonar e câncer.

Outro ponto levantado pela profissional é que a tosse pode ser produtiva, ou seja, com secreção ou seca. “O tratamento sempre vai depender do que está causando a tosse, visto que ela é um sintoma de diversas doenças. O importante é investigar a causa e tratar a raiz do problema”, diz Maria Cecília.

Como se livrar da tosse?

Quando a pessoa está tossindo há pouco tempo e o estado de saúde não é grave, ela pode tratar o sintoma. “No caso de um resfriado comum, a lavagem nasal com soro fisiológico e remédios naturais podem aliviar o sintoma. Os antialérgicos e descongestionantes nasais também colaboram”, pontua a especialista. 

Continua após a publicidade

Alguns produtos naturais como gengibre, limão, mel, alho, hortelã-pimenta e tomilho podem aliviar a tosse por possuírem propriedades anti-inflamatórias, anti-microbianas, fluidificantes ou expectorantes. “Porém, nunca devemos deixar de investigar a causa da tosse caso não haja melhora, e de usar o medicamento prescrito pelo médico.”

Além disso, Maria Cecília alerta sobre o uso de medicamentos em casa sem a prescrição médica. “A automedicação não costuma ser uma boa ideia. Portanto, na dúvida, consulte um profissional capacitado.”

Receita para aliviar a tosse

Ingredientes:

Continua após a publicidade
  • 1 pedaço de gengibre descascado e picado;
  • 1 limão cortado em rodelas;
  • 200 ml de água filtrada;
  • 1 colher de mel

Modo de preparo:

Coloque o limão, o gengibre e a água em uma panela e leve ao fogo até ferver. Depois, desligue e deixe por cinco minutos tampado. Por fim, acrescente o mel.

Quando procurar um médico para a tosse?

Sempre que você estiver tossindo mais de 8 semanas, não hesite em procurar ajuda. “Se a tosse vier acompanhada de falta de apetite, muita secreção amarelada, esverdeada, marrom ou com sangue, febre por mais de 3 dias, falta de ar, dor no peito ou cansaço extremo, você deve procurar atendimento médico pois pode ser que esteja com alguma doença mais grave”, explica Maria Cecília. 

Perda de peso e suor intenso no período da noite podem ser sintomas de tuberculose, e é necessária a investigação. “Se a tosse for muito intensa, levando a vômitos ou falta de ar, também vale a pena procurar ajuda médica, pois pode se tratar de coqueluche.”

Como parar de tossir
Consulta médica é essencial para descobrir a causa da tosse (Andrea Piacquadio/Pexels)

Como evitar a tosse?

“A tosse pode gerar muito desconforto, constrangimento, dor e prejuízo no sono”, como pontua Maria Cecília. O incômodo pode ser tão forte que algumas pessoas podem até ter perda involuntária de urina resultante do esforço para tossir. Tudo isso atrapalha e muito a qualidade de vida. 

“Podemos evitar que a tosse nos atrapalhe, prevenindo suas causas mais frequentes, como resfriados, gripes e COVID-19. Para isso, devemos nos vacinar, higienizar as mãos com frequência, evitar levar as mãos aos olhos, boca e nariz principalmente após ter tocado em superfícies como maçanetas, corrimão e barras no transporte público”, afirma a médica.

Além disso, evitar ambientes fechados, mal ventilados e com aglomeração de pessoas. “Não fumar, se alimentar bem, fazer atividade física e dormir adequadamente são práticas que  fortalecem o sistema imunológico e melhoram a saúde no geral, prevenindo doenças que podem causar tosse”.

Continua após a publicidade

De acordo com ela, manter o ambiente limpo também diminui manifestações alérgicas, que podem resultar em tosse. Outra forma de diminuir o impacto causado pela tosse é procurar ajuda para investigar e tratar a causa da sua tosse o quanto antes, diminuindo assim o tempo de convivência com esse sintoma tão incômodo.

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Moda, beleza, autoconhecimento, mais de 11 mil receitas testadas e aprovadas, previsões diárias, semanais e mensais de astrologia!

Receba mensalmente Claudia impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições
digitais e acervos nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de R$ 12,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.