Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

19º dia – Como diminuí meu colesterol em 21 dias – sem remédios

Acompanhe o meu diário e descubra como eu fiz para conquistar uma vida mais saudável. Vida real mesmo, nada de lero-lero!

Por Stephanie Bevilaqua (colaboradora) Atualizado em 28 out 2016, 14h38 - Publicado em 23 out 2015, 14h00

Dia de descansar.

Como a semana foi corrida, resolvi tirar a sexta para dormir mais um pouquinho. E no trabalho, mais um dia da semana de Food Truck (para a minha tentação). Era hambúrguer, meu preferido! Desci com o cartão na mão – afinal, ainda tenho minhas refeições off 😉 E um sinal divino fez com a fila aumentasse demais e que estivesse um sol de 40 graus. Ok, vamos para o arroz – integral – com feijão!

De tarde comi uma fruta: maçã. E você sabia que uma maçã por dia diminui o colesterol? Ela elimina os radicais livres antes que eles se associem ao LDL (colesterol ruim) e multipliquem o efeito nocivo. Mas não tire a casca, pois ela é rica em fibras que reduzem a absorção do colesterol no intestino.

E por falar em fibras, por que elas são tão importantes para diminuir o colesterol? Elas exigem um bom tempo de mastigação e demoram para ser processadas pelo aparelho digestivo. Em outros termos, a pessoa demora a sentir fome de novo e evita comer tranqueira. Fibras, portanto, ajudam a controlar o peso e o volume da barriga, fator intimamente relacionado ao tráfego gorduroso pelos vasos.

Mas o papel que dá às fibras a medalha de defensora das artérias é o de ajudante de faxina: elas arrastam o excedente de colesterol para fora do corpo. O processo se dá assim: durante a digestão, a bile está cheia de colesterol. Quando as fibras chegam ao intestino, absorvem esse líquido verde e o mandam embora pelas fezes. O melhor é que, percebendo a baixa, o fígado recolhe mais LDL-colesterol para gerar mais ácidos biliares. Em resumo: bastam de 20 a 30 gramas desse nutriente por dia para reforçar o organismo contra o entupidor de vasos. A meta para o consumo são 30 gramas por dia, que podem vir de fontes como cereais integrais, leguminosas, frutas e aveia.

De resto, tudo continuou dando super certo. Posso falar com propriedade que, assim como ontem, esse foi um dia em que tudo deu certo – e isso me fez bem. Apesar da tentação do almoço, segui em frente e não senti fome em nenhum momento do dia. Já estou até ficando com saudades do diário, mas sinto que esta será uma missão mais do que cumprida! 

Um beijo e até amanhã! ;*

Continua após a publicidade
Publicidade