Papa lava pés de presidiário brasileiro em ritual de Quinta-feira Santa

O Papa Francisco realiza esse mesmo ritual há 5 anos, desde sua ascensão ao papado

Papa Francisco beijou e lavou os pés de 12 prisioneiros em um ritual tradicional de Quinta-feira Santa, nesta quinta (18). O pontífice foi até uma prisão na cidade de Velletri, a 60 km de Roma.

Segundo a agência de notícias Reuters, um dos prisioneiros era brasileiro, mas o nome do homem não foi divulgado. Além dele, o Papa lavou os pés de nove italianos, um marroquino e um marfinense. Desde sua ascensão ao papado, ele realizou esse mesmo ritual todos os anos.

 (Vatican Media/Reprodução)

Ele orientou os presos a ajudarem uns aos outros na cadeia e evitarem qualquer tipo de hierarquia interna da prisão. Esse gesto comemora a humildade de Jesus com seus apóstolos na noite anterior a sua morte, na cadeia.

Antes de Papa Francisco, os outros Papas realizavam o mesmo rito, mas sempre lavando os pés de 12 sacerdotes em uma das grandes basílicas de Roma.

Leia mais: Jovem dado como desaparecido em Brumadinho aparece vivo

+ Aprenda o significado da Páscoa

Siga CLAUDIA no Youtube