Pais de Ágatha falam pela primeira vez sobre a morte da filha

A família da vítima acusa a polícia de ter feito o disparo

Vanessa e Adegilson, pais da menina Ágatha Félix, que foi morta no Complexo do Alemão na última sexta-feira (20), foram ao Encontro com Fátima Bernardes e falaram pela primeira vez sobre a perda da filha de oito anos.

A mãe da menina contou que, no dia do ocorrido, elas estavam indo juntas para a casa da irmã de Vanessa. “Minha filha era perfeita, desenhava, era estudiosa, obediente. Eu admirava a obediência. (…) A gente se escondia para não acontecer o que aconteceu. A gente se escondia no box do banheiro. A minha princesa. Ela era perfeita. Estou aqui para dizer que ela era perfeita”, contou Vanessa ao programa.

 (Rede Globo/Reprodução)

O governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, falou pela primeira vez sobre o caso na tarde de segunda-feira (23) e culpou o crime organizado e os usuários de drogas pela morte de Ágatha.

Leia mais: Homem morre afogado após pedido de casamento embaixo d’água

+ Mãe narradora ganha Fifa Fan Awards

PODCAST – Como dialogar com as crianças e adolescentes sobre sexualidade

%d blogueiros gostam disto: