SBT pode acabar com um de seus programas mais icônicos, diz site

Devido à baixa audiência e insatisfação do público, emissora estuda dar fim a atração que está no ar há anos

O programa Casos de Família pode estar com os seus dias contados. O SBT estaria estudando por que o programa de Christina Rocha não reage mais na audiência e, após fazer uma pesquisa com o público, teria chegado à conclusão que o formato está desgastado. As informações são do portal Notícias da TV.

Na pesquisa, os fãs teriam apontado diversos aspectos negativos do programa, como a falta de novidade – a última grande mudança no formato da atração foi em 2009, quando Rocha passou a comandar a apresentação no lugar de Regina Volpato – e a dúvida na credibilidade do programa.

Veja o que está bombando nas redes sociais

Há um esforço da emissora e da apresentadora em afirmar que todos os casos abordados no programa são reais e que os personagens de cada edição não são atores. No entanto, vários casos contraditórios foram expostos ao longo dos anos.

Segundo especulações, a mesma pessoa se apresentava com nomes e histórias diferentes em episódios distintos. Já aconteceu, inclusive, de uma mesma mulher participar do Casos de Família e do Você na TV!, programa de João Kleber na RedeTV!, com histórias e nomes que não coincidem.

Como solução, o SBT estaria estudando dar fim ao programa e esticar a duração do “Fofocalizando”, integrando Rocha ao time de apresentadores, que já conta com Lívia Andrade, Mara Maravilha, Mamma Bruschetta, Leão Lobo, Décio Piccinini e Léo Dias.

A emissora disse que as informações não procedem, mas o portal afirma ter fontes confiáveis que confirmam que o Casos de Família está na mira dos diretores da empresa.

Leia também: Patrícia Poeta se emociona ao falar de morte de colega da Rede Globo

+ Ex-atriz da Globo quase perde a mão após mordida de gato e faz alerta

Relacionamento abusivo: saiba se você está em um no podcast Senta Lá, CLAUDIA