Clique e assine com até 75% de desconto

Ex-participante do ‘Bake Off Brasil’ relata que foi dopado e estuprado

Murilo Marques fez um longo desabafo no Twitter afirmando que, após o estupro, foram roubados 70 mil reais de suas contas em bancos

Por Da Redação 26 out 2020, 12h05

Murilo Marques, ex-participante do Bake Off Brasil, compartilhou no Twitter um forte relato sobre um encontro marcado com um rapaz que conheceu em aplicativo, no último dia 21, em São Paulo. Na rede, Murilo relatou que foi dopado, estuprado e roubado em seu próprio apartamento. Atenção: as informações a seguir são fortes e podem ser gatilhos para quem é sensível ao tema.

“Entrei para a estatística! Caí num golpe: fui dopado, violado e roubado em minha casa”, começou. De acordo com o relato, Murilo, que mora sozinho, recebeu em casa um rapaz que conheceu por aplicativo. Pouco depois de começarem a se beijar, o homem anunciou que era garoto de programa e que precisava recebeu seu pagamento.

Murilo, então, afirmou que não tinha dinheiro e que não havia contratado um garoto de programa, por isso não faria o pagamento. No entanto, o rapaz insistiu e estendeu a ele uma máquina de cartão.

“Ele começou a se exaltar dizendo que queria receber o dinheiro dele, esse diálogo rolou e eu cada vez com mais dificuldade de organizar minhas ideias, já imaginando que estava drogado. Cada vez mais agressivo e gritando comigo”, escreveu Murilo. Em seguida, segundo seu relato, o rapaz começou a agredi-lo, obrigando-o a passar as senhas de todos os cartões. Depois, o golpista ainda forçou que Murilo cheirasse um pó que disse ser cocaína, mas ele resistiu. Foi nesse momento que, segundo o relato, o estupro aconteceu.

“Fui jogado na cama de bruços, nesse momento o estupro aconteceu: Eu só lembro dele me estuprando com a mão enquanto eu me debatia. Não sei quanto tempo durou, não sei o quanto eu resisti, mas fui estuprado”, descreveu.

Passando mal, Murilo foi ao banheiro para vomitar e, quando saiu de lá, o rapaz já havia deixado o apartamento e levado seu celular e os cartões. No entanto, o ex-Bake Off conseguiu acessar o WhatsApp pelo notebook e, assim, entrou em contato com seu namorado Renan, com quem tem um relacionamento aberto. Murilo também contou com a ajuda de um vizinho e, juntos, os três bloquearam os cartões roubados e foram registrar o boletim de ocorrência.

Continua após a publicidade

Murilo ainda conta que o ambiente da delegacia foi “nada acolhedor” e que ouviu “piadinhas paralelas” enquanto contava o ocorrido. Além disso, ele contabilizou um prejuízo de 70 mil reais com os cartões roubados e relatou que esse dinheiro estava guardado para pagar um apartamento que comprou com o namorado.

No entanto, no relato, Murilo afirma que os bancos não desfizeram as transações para reaver tudo que foi roubado, pois o ladrão sabia todas as senhas. “Me ajudem a espalhar esse relato, façam chegar aos bancos, eu não estou pedindo para ganhar dinheiro, eu só preciso que eles devolvam o que é meu e que foi tirado de mim durante um crime”, pediu.

Dias depois do desabafo, Murilo compartilhou que o banco Itaú, assim como o Nubank, entraram em contato com ele, afirmando que irão ressarcir o valor roubado.

  • Estou com câncer de mama. E agora?

    Continua após a publicidade
    Publicidade