CLIQUE E ASSINE A PARTIR R$ 6,90/MÊS

Morto, corpo de noivo de Gabby Petito é identificado na Flórida

Brian Laundrie estava desaparecido desde o dia 14 de setembro e era tido como "pessoa de interesse" pelo FBI

Por Da Redação 22 out 2021, 13h11

Foi confirmado pelo FBI nesta quinta-feira (21) que os restos mortais encontrados na última quarta-feira (20) no Carlton Reserve, um parque estadual na Flórida, Estados Unidos, são de Brian Laundrie, noivo da influencer Gabby Petito, de 22 anos, encontrada morta semanas atrás.

Tido como desaparecido, Brian não era visto pela família desde o dia 14 de setembro.

O corpo, encontrado com ajuda de seus familiares, que guiaram os agentes policiais em uma trilha a qual ele frequentava e onde também foram encontrados objetos seus, passou por identificação através da arcada dentária.

De acordo com o TMZ, dois policiais foram até a casa da família Laundrie para confirmar a identificação do corpo e oficializar o fim das buscas. Agora, o FBI investiga as circunstâncias da morte do noivo da influenciadora digital, enquanto também seguem com as investigações da morte de Gabby. 

View this post on Instagram

A post shared by Gabby (@gabspetito)

Relembre o caso

Gabrielle Petito ou Gabby Petito, como era conhecida nas redes sociais, foi encontrada morta em 20 de setembro em um parque no estado americano de Wyoming

Antes de ser encontrada morta, a influencer e o noivo, Brian Laundrie, realizavam uma viagem de van. A ideia do casal, que já morava junto há mais de um ano, era passar pelos parques nacionais do EUA, no entanto, os pais de Gabby procuraram a polícia quando ela deixou de responder a ligações e mensagens de texto por vários dias.

View this post on Instagram

A post shared by Brian Laundrie (@bizarre_design_)

Continua após a publicidade

Como resultado de uma grande equipe de buscas organizada, a polícia federal americana encontrou no dia 20 de setembro restos mortais humanos em uma área próxima à do desaparecimento de Petito e que condiziam com descrição da jovem. A identidade foi confirmada um dia depois. 

Recentemente, no dia 12 de outubro, a perícia concluiu que a jovem de 22 anos foi estrangulada de três a quatro semanas antes de seu corpo ser encontrado.

Antes da descoberta do assassinato, Brian já era dado como desaparecido. No dia primeiro de setembro, já sem a presença de Gabby, ele retornou a sua residência com a van que era usada na viagem do casal, mas sumiu quando os investigadores o declararam como “pessoa de interesse”.

O jovem integrava a lista de suspeitos pela morte de Gabby, embora formalmente não fosse tratado como acusado. Ele estava sendo investigado e acusado por ter usado o cartão de débito da influencer após a morte dela, o que é considerado fraude.

Violência doméstica

Em 12 de agosto, duas semanas antes do desaparecimento da jovem, a polícia de Utah recebeu uma ligação reportando um possível caso de violência doméstica envolvendo o casal.

Sobre o episódio, posteriormente foi divulgado um vídeo no qual a jovem aparece chorando e desabafando com um policial sobre a sua saúde mental. Segundo ela, o casal vinha discutindo com mais frequência. Apesar disso, nenhuma ocorrência policial foi registrada e não há mais detalhes sobre o ocorrido.

Continua após a publicidade

Publicidade