CLIQUE E ASSINE A PARTIR R$ 6,90/MÊS

Beyoncé pede doações para campanha brasileira “Tem Gente Com Fome”

Campanha arrecada alimentos para famílias em vulnerabilidade social. Saiba como doar

Por Da Redação Atualizado em 18 jun 2021, 18h07 - Publicado em 15 jun 2021, 14h44

“Se tem gente com fome, dá de comer”. A campanha Tem Gente Com Fome usa essa frase para alertar a população para o problema da fome no país, que se intensificou com a pandemia de Covid-19. Segundo o Inquérito Nacional sobre Insegurança Alimentar em Contexto de Covid, que analisou dados do final de 2020, 19 milhões de brasileiros estão em situação grave em relação ao acesso à alimentação no país.

No último domingo (13), a cantora Beyoncé se uniu à iniciativa, que arrecada doações para famílias em vulnerabilidade social, e pediu apoio aos brasileiros.

Beyoncé usou a conta do seu projeto social Bey Good Queen Be para convocar seus seguidores nesta missão de combate à insegurança alimentar.

View this post on Instagram

A post shared by BeyGOOD (@beygood)

A campanha foi lançada há três meses e conta com uma rede de apoio nacional coordenada pela Coalizão Negra por Direitos, Grupo Prerrogativas, Anistia Internacional, Oxfam Brasil, Redes da Maré, Ação Brasileira de Combate às Desigualdades (ABCD), 342 Artes, Nossas – Rede de Ativismo, Instituto Ethos, Orgânico Solidário e Fundo Brasil.

Continua após a publicidade

Antes da diva do pop, Camila Pitanga, Chico Buarque, Emicida, Gilberto Gil, Zeca Pagodinho, Zezé Motta estão no time de artistas que apoiam o projeto social.

A iniciativa, que já alcançou a marca dos 12 milhões de reais em arrecadações, começa neste mês a segunda fase das entregas de cestas básicas, produtos orgânicos, cartões de alimentação e kits de higiene e limpeza. No último fim de semana, as entregas já aconteceram em Goiás, Bahia, Pernambuco, Mato Grosso, São Paulo, Pará, Paraíba e Paraná.

A meta é arrecadar mantimentos básicos para 222.895 famílias afetadas pela pandemia da Covid-19, principalmente famílias negras, periféricas e pertencentes a comunidades tradicionais, em todas as regiões do país, que foram mapeadas pelas organizações e redes que coordenam a ação. Até agora, mais de 60 mil pessoas, já foram beneficiadas. Para fazer a sua doação, clique aqui.

Continua após a publicidade

Publicidade