Clique e Assine CLAUDIA por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

Moda além da tendência! 5 dicas para conquistar seu estilo próprio

Vestir aquilo que você gosta ao invés de se prender ao que é trend do momento mostra ao mundo quem você é

Por Lorraine Moreira
26 out 2022, 08h33

Brazilcore, Barbiecore, Grandpacore, Galrycore… São tantas tendências que é difícil saber se você tem um estilo próprio ou só está seguindo a moda. Quando você usa as febres da estação sem questionar seus gostos, pode afastar sua identidade estética a troco de um copia e cola que nem sempre te representa. Ok, mas como mudar essa dinâmica?

Faça compras em brechós

Pensar em formas de reverter essa lógica envolve as fast fashions. Segundo Ana Vaz, consultora de imagem e estilo, essa indústria foi responsável por democratizar o acesso a itens que remetem às tendências do mercado de luxo - o modelo de produção vende peças por um preço pequeno, uma vez que tem custos menores por fazer uso de trabalho análogo à escravidão. A disponibilidade de roupas baratas acelerou o consumo e pode ter contribuído para o apagamento da autonomia do estilo de parte das pessoas.

Uma solução para o problema é substituir as fast fashions por brechós. Como a alternativa é atrelada ao trabalho de garimpar peças, você pode refletir mais sobre as suas escolhas e, consequentemente, não adquirir algo impulsivamente que você nem deseje tanto.

Autoconhecimento é a chave do estilo próprio!

Como saber o que você gosta, sem se conhecer? Por mais óbvia que essa pergunta pareça ser, ela não deve ser esquecida. A especialista explica que essa tarefa não está ligada apenas a fazer uma análise de cores ou observar incessantemente seu corpo. “É muito mais sobre entender as suas subjetividades, os seus valores pessoais e quais estéticas você admira”, indica. Este último elemento, de acordo com Ana, também é criado a partir das suas experiências externas, com outras pessoas e culturas.

Continua após a publicidade

Não se prenda às tendências

As febres da moda vêm e vão, mas o seu estilo fica. Isso quer dizer que os modismos podem ser usados, mas não devem te limitar, conforme aponta a especialista. Uma estratégia é observar se a compra de uma peça faz sentido e, depois disso, analisar como ela poderia ser utilizada. A ideia é que você não fique refém das suas roupas, mas sim saiba como construir looks que te deixem confortáveis e representem quem você é.

Olhe para o seu guarda-roupa

A consultora dá a dica de observar o seu próprio acervo, ver quais cores, modelagens e estilos que mais se repetem. “Essa pode ser uma pista para descobrir o que faz a gente se sentir muito bem, o que a gente realmente gosta”. Mas, para ela, também é importante experimentar coisas novas a fim de encaixar novidades.

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Moda, beleza, autoconhecimento, mais de 11 mil receitas testadas e aprovadas, previsões diárias, semanais e mensais de astrologia!

Receba mensalmente Claudia impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições
digitais e acervos nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de 14,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.