Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Por que a polícia foi nove vezes à mansão de Meghan e Harry

A saída da Família Real trouxe inúmeros problemas de segurança para a vida do casal e do filho Archie nos Estados Unidos

Por Da Redação 8 abr 2021, 17h20

A saída de Meghan Markle e príncipe Harry da família real visava liberdade e mais respeito, itens tão valorizados pelo casal. Porém, a mudança trouxe muita insegurança a eles. Segundo o jornal The Guardian, a polícia já foi chamada à mansão dos duques de Sussex, no sul da Califórnia, nove vezes nos últimos meses.

Segundo a polícia, os registros, feitos principalmente de madrugada, incluem ativações de alarme e crimes contra a propriedade. Uma das ocorrências aconteceu na véspera de Natal, às 16h13, por conta de um homem ter invadindo a mansão.

O veículo informou que tanto o delegado como os representantes do casal não quiseram comentar sobre os casos.

Na entrevista concedida à Oprah, Meghan disse que chegou a enviar cartas à realeza suplicando por segurança, já que antes da saída das funções reais Meghan e Harry tinham proteção pessoal. Segundo a duquesa, a família do marido foi avisada que ele era ameaçado de morte frequentemente.

Harry também comentou sobre o assunto na ocasião. Ele afirmou que jamais imaginaria que sua segurança seria retirada. “Eu nasci nesta posição. Eu herdei o risco. Então isso foi um choque para mim ”, desabafou à jornalista. Com isso, os duques são responsáveis por financiar seu próprio esquema de segurança.

  • Continua após a publicidade
    Publicidade