Kate Middleton repagina look de Diana em viagem ao Paquistão

Como antecipado, a duquesa deve optar por muitos figurinos em verde, a cor da bandeira do país

Príncipe William e a duquesa Kate Middleton desembarcaram hoje (14) no Paquistão, para uma viagem diplomática de cinco dias.  E a duquesa não desapontou: o primeiro look que usou no país, além de lindo, faz uma homenagem à princesa Diana, que tinha uma ligação pessoal com o Paquistão depois de se apaixonar pelo médico Hasnat Khan. Segundo biógrafos, pouco antes de morrer, Diana chegou a considerar seriamente se mudar para lá.   

 (Reprodução/Getty Images)

Os fashionistas não demoraram a pescar a homenagem da duquesa à sogra: desde a cor até a calça e túnica, Kate atualizou o look que Diana tornou clássico em 1996.

 (Reprodução/Getty Images)

A sintonia dos figurinos se deve também ao fato de que o figurino de Kate ter a mesma assinatura que o de Diana: ambos são de Catherine Walker. Especialistas apostam que Kate, assim como Diana, vai priorizar os tons pastéis, azulados ou verdes, em homenagem à cultura paquistanesa. O que ficou claro é que Kate vem ganhando confiança e começando a ousar um pouco mais no visual, se inspirando na sogra famosa, mas evitando copiá-la.

 (Reuters/Reprodução)

Kate vai encarar uma semana de comparações com Diana. A passagem da sogra pelo Paquistão, não apenas pela história pessoal, acabou rendendo alguns dos modelos mais elogiados de Diana e, para a princesa, uma das imagens que mais gostava de si mesma. É a foto em que Diana aparece segurando nos braços um menino doente de apenas sete anos. O registro foi feito em uma visita a um hospital paquistanês de tratamento de câncer e o menino, cego, tinha apenas algumas semanas de vida. Para Diana, a foto representava a mensagem que ela queria passar para o mundo: compaixão e quebra de protocolo. Por isso mesmo, levava consigo uma cópia dela.

 (Reuters/Reprodução)

Kate e William desembarcaram no Paquistão em mais uma semana onde celebridades americanas saíram em defesa de Meghan Markle. Dessa vez foi a ex-primeira dama dos Estados Unidos, Hillary Clinton, que criticou como a duquesa de Sussex é retratada nos jornais britânicos. A diferença do tratamento é bem evidente: nessa segunda (14), Kate dispensou a secretária pessoal que a atendia há sete anos. A justificativa da demissão teria sido que o papel de Sophie Agnew ficou redundante e desnecessário, mas o Daily Mail sugere que isso só aconteceu porque Meghan e Harry decidiram ter sua própria equipe, separadamente de William e Kate.  O porta-voz do palácio de Kensington declinou fazer algum comentário sobre a mudança de equipe.  

O casal real chegou hoje à Islamabade, sem os filhos George, Charlotte e Louis,  e contou com a segurança de mais de mil policiais.

Leia também: O codinome inusitado da Rainha Elizabeth

Harry se emociona ao seguir os mesmos passos de Lady Di na África